A equipe mirim do Cras/Miralda participou dos Jogos Olímpicos da Araguaia Campestre Clube (JOACC) com cinco equipes em uma chave única e venceu todos os jogos sem perder nenhum set. Já a equipe infanto jogou com seis equipes e venceu a grande final, contra os donos da casa, por 2 sets a 1, em uma melhor de três sets.
Segundo o treinador e educador físico do Cras II, Rodrigo Eugênio, os treinamentos com a equipe de vôlei começaram em janeiro, em parceria com a Escola Miralda da Silva Carvalho. Muito trabalho foi feito com apoio de psicólogos, assistente social e com outros profissionais técnicos do Cras II. Com isso, esperava-se que a equipe fosse participar de torneios para aprimoramento dos atletas e para prepará-los para que, no ano que vem, pudessem disputar de igual para igual com grandes equipes. Mas, segundo Rodrigo Eugênio, o que foi visto ao longo do ano, foi mais uma vez o homem na sua plenitude mostrando que é capaz de superar limites, pois a equipe foi vencendo e ganhando nome no cenário esportivo mineiro.
No início dos trabalhos, as secretaria de Desenvolvimento Humano e de Educação sustentavam o projeto. Agora, empresários estão investindo na ideia de apoiar essa causa nobre de incentivar um grupo de adolescentes a praticar um esporte e contribuir para melhorar a vida de muitos deles.
Chegando ao final de novembro, tudo isso foi comemorado com o convite da Federação Mineira de Vôlei para que a equipe de vôlei do CrasII/Miralda fosse coroada entre as oito melhores equipes do Estado e pudesse participar do Campeonato Mineiro, que se realizou entre os dias 1º e 5 de dezembro, na cidade de Ipatinga-MG.
As oito equipes selecionadas foram distribuídas em duas chaves, contendo quatro equipes em cada uma delas, sendo: chave ?A? composta por Minas Tênis Clube, Usipa (Ipatinga), Varginha e COPM (Clube de Oficiais da Polícia Militar de BH) e a chave ?B? Sesi de Uberlândia (atual campeão da categoria), CrasII/Miralda, Sada Cruzeiro e Ufla (Lavras).
A equipe do CrasII ficou em terceiro lugar da chave, pois perdeu para as equipes de Uberlândia por 3 x 0 sets e para a equipe de Lavras por 3 x 2 sets, sendo que, no set de desempate, a equipe do Cras II perdeu por 15 x 13. Para a arbitragem, esse último jogo foi eleito o mais emocionante do Campeonato Mineiro. Na terceira partida, a equipe do Cras II venceu o Sada Cruzeiro por 3 x 0 sets.
De acordo com Rodrigo Eugênio, a equipe mais uma vez mostrou a sua capacidade, ficando com o quinto lugar geral, vencendo a equipe de Ipatinga por 3 sets x 0. ?Estar entre as cinco melhores equipes de Minas é um grande orgulho para a cidade e confirma a paixão que tenho pelo meu trabalho. Sou um profissional de sorte, pois tenho a satisfação de trabalhar em uma cidade onde as pessoas, entidades e empresas são apoiadoras da construção social, através da prática esportiva. Desde já, nosso agradecimento a todos que apóiam esta ideia, sobretudo a Prefeitura Municipal de Formiga, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano?, finaliza o treinador.

Comentários