Após suspender o fornecimento de refeições para pacientes do Pronto Atendimento Municipal (PAM), na sexta-feira (20), a Santa Casa de Caridade de Formiga interrompeu também os exames de raios-x e tomografia.

A decisão ocorreu devido ao atraso nos pagamentos de convênios firmados entre a Santa Casa e a Prefeitura e o término dos prazos dado pela direção do hospital para que os débitos fossem quitados expiraram na sexta.

De acordo com nota enviada pela Santa Casa, a Prefeitura efetuou um depósito de R$20 mil para o hospital referente apenas a uma parcela do mês de janeiro de 2015. Dessa forma, a Santa Casa teve que suspender a prestação de serviços, pois não tem condições de custear os serviços prestados para a Prefeitura e precisa receber os valores devidos para pagar os fornecedores e demais despesas.

O valor que deveria ser pago no prazo estipulado é de R$271.245. O total da dívida do município com a Santa Casa é de R$1.229.442,22.

Outra notificação extrajudicial foi enviada na segunda-feira (23), para a Prefeitura com prazo de sete dias, para a quitação de débitos referentes à prestação de serviços médicos especializados em Clínica Médica, Pediatria e Obstetrícia. Caso não seja efetuado o pagamento até a próxima segunda-feira (30), será suspensa a prestação de serviços deste convênio.

 

Redação do Jornal Nova Imprensa Assessoria Santa Casa

Comentários