Familiares de pessoas que estejam sepultadas em algum dos três cemitérios de Formiga (Cemitério do Santíssimo, Cemitério do Rosário e Cemitério Parque da Saudade) devem comparecer nos mesmos para fazer o cadastramento ou o recadastramento dos túmulos onde os mesmos estejam sepultados.
Segundo João Carlos Vespúcio, Coordenador da Funerária e dos Cemitérios Municipais, a visita ao cemitério deve ser feita antes do feriado dos Dia de Finados, 02 de novembro, para que além do cadastramento, seja feita a vistoria nos túmulos, pois eles são de total responsabilidade de seus proprietários que devem comparecer ao cemitério e verificar qual o número do túmulo onde seu familiar foi sepultado, pois os cemitérios foram divididos em quadras e todos os túmulos foram numerados. Depois de constatado o número, o proprietário deve providenciar a confecção de uma placa de identificação e com um comprovante, que será entregue no momento do pedido de serviço, ele deverá comparecer à Secretaria de Desenvolvimento Humano no Setor de Funerária e Cemitérios, portando a certidão de óbito do inumado e, em caso de recadastramento, os documentos de cadastro.
Para que o documento seja emitido é necessário que o túmulo esteja bem conservado. Os proprietários dos túmulos tipo ?carneira? ou abertos, a terra deverá ser retirada e o mesmo vedado.
Segundo João Carlos, 60% das pessoas já re-cadastraram os túmulos e ressaltou que, em todos os casos, será emitido somente um documento por família. Se o cadastramento não for feito, o túmulo poderá ser retirado do local.
João Carlos ainda fez questão de ressaltar o bom estado de conservação que se encontram os cemitérios de nossa cidade, que estão todos informatizados e chamou a atenção também para o Dia dos Finados, quando familiares levam flores para os túmulos em vasos que podem se transformar em focos de dengue e esclareceu que se algum desses objetos for encontrado será imediatamente retirado do local

COMPATILHAR: