O filme Faroeste, que teve cenas gravadas na cidade de Pains, em junho de 2012 , será exibido na cidade na primeira semana de abril e deverá contar com a presença de atores que atuaram no filme.
A exibição foi agendada durante uma reunião entre o diretor de Faroeste, Abelardo de Carvalho, o prefeito de Pains, Robson Rodarte Lopes, o chefe de gabinete, Amir Otoni de Oliveira, o Controlador Interno, Célio Almeida e a assessoria de comunicação.
A gravação em Pains contou com o apoio financeiro do município, no valor de R$50 mil, ao projeto cinematográfico realizado pela Cavídeo Produções. A Prefeitura ofereceu ainda apoio na pré-produção e na realização de oficinas sobre figurino, interpretação e captação de áudio que demandou cerca de R$ 30 mil. O somatório geral do apoio concedido pela administração municipal para a realização da produção que destaca Pains, chegou a aproximadamente R$ 100 mil.
O filme teve importante participação da comunidade que se empenhou em compor várias cenas. Foram 25 dias de gravação. Antes mesmo de ter início, os participantes do Núcleo Vida Saudável e outros moradores já se preparavam com a elaboração do figurino, cenário e adereços usados nas cenas.
A decoração da Festa Junina, gravada na fazenda Palmeiras, e os quitutes servidos durante as filmagens foram preparados e elaborados pela equipe composta de integrantes, coordenação e funcionários do Núcleo.
O filme é uma adaptação livre do romance Bestiário, de autoria de Abelardo de Carvalho lançado em 2003. O autor do livro é natural de Iguatama e foi o cineasta do filme.
Faroeste retrata a vida de Luís Garcia, um fazendeiro muito famoso que viveu entre Porto Real, Pains e Formiga no início do século XX e foi assassinado em Pains em 1916.

Comentários
COMPATILHAR: