Em virtude do grande aumento de casos de microcefalia no país, gestantes de Córrego Fundo participaram de uma palestra sobre o tema na última semana.

Durante o evento, informações sobre os casos de dengue no município e impactos sobre a sociedade foram discutidos. A enfermeira Keli Silva juntamente com as agentes de saúde Cristiane Teixeira e Maria Lucia Faria informaram as participantes sobre o combate do mosquito transmissor e outras doenças que o inseto pode provocar como a chikungunya e o zica vírus.

A palestra foi realizada também para a população em geral. De acordo com a enfermeira, cerca de 50 pessoas participaram do evento.

 

Microcefalia

A microcefalia é uma doença em que a cabeça e o cérebro das crianças são menores que o normal para a sua idade, influenciando o seu desenvolvimento mental.

Geralmente, a microcefalia está presente quando o tamanho da cabeça de uma criança com um ano e três meses é menor que 42 centímetros. Isto ocorre porque os ossos da cabeça, que ao nascimento estão separados, se unem muito cedo, impedindo que o cérebro cresça normalmente.

A microcefalia é uma doença grave, que não tem cura, e a criança que a possui pode precisar de cuidados por toda a vida, sendo dependente para comer, se mover e fazer suas necessidades, dependendo da gravidade da microcefalia que possui e se ela possui outras síndromes além da microcefalia.

 

Fonte: Assessoria de Córrego Fundo||

Comentários