MP deflagra operação em 19 cidades contra esquema de fraude em combustível

Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos.

COMPATILHAR:

Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos.

O Ministério Público Estadual (MPE) de Minas Gerais deflagrou na manhã desta quinta-feira (5), uma operação para coibir fraudes na aquisição de combustíveis envolvendo 19 prefeituras do interior do Estado.
Com autorização judicial, mandados de busca e apreensão de documentos estão sendo cumpridos nos municípios de Montes Claros, Almenara, Augusto de Lima, Bandeira, Bocaiúva, Bom Jesus do Galho, Botumirim, Felixlândia, Frei Inocêncio, Gameleiras, Glaucilândia, Ipiaçu, Matipó, Minas Novas, Santa Fé de Minas, São José da Lapa, São Lourenço, Tapira e Vespasiano.
Batizada de Operação Catagêneses, a ação tem como objetivo colher provas para instruir inquérito, aberto em 2013, contra uma organização criminosa atuante nessas cidades.
Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos. O golpe conta com o apoio de empresários. Entre os indícios de crimes, incluem a elevada desproporcionalidade entre as despesas anuais com combustíveis por parte das prefeituras investigadas se comparado com o montante da arrecadação tributária anual.

Comentários
COMPATILHAR:

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

MP deflagra operação em 19 cidades contra esquema de fraude em combustível

Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos.

COMPATILHAR:

Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos.

O Ministério Público Estadual (MPE) de Minas Gerais deflagrou na manhã desta quinta-feira (5), uma operação para coibir fraudes na aquisição de combustíveis envolvendo 19 prefeituras do interior do Estado.

Com autorização judicial, mandados de busca e apreensão de documentos estão sendo cumpridos nos municípios de Montes Claros, Almenara, Augusto de Lima, Bandeira, Bocaiúva, Bom Jesus do Galho, Botumirim, Felixlândia, Frei Inocêncio, Gameleiras, Glaucilândia, Ipiaçu, Matipó, Minas Novas, Santa Fé de Minas, São José da Lapa, São Lourenço, Tapira e Vespasiano.

Batizada de “Operação Catagêneses”, a ação tem como objetivo colher provas para instruir inquérito, aberto em 2013, contra uma organização criminosa atuante nessas cidades.

Segundo as investigações, o esquema desviou recursos públicos das Prefeituras e Câmaras Municipais gerando enriquecimento ilícito para os políticos. O golpe conta com o apoio de empresários. Entre os indícios de crimes, incluem a elevada desproporcionalidade entre as despesas anuais com combustíveis por parte das prefeituras investigadas se comparado com o montante da arrecadação tributária anual.

Redação do Jornal Nova Imprensa Hoje em Dia

Comentários
COMPATILHAR:

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.