Uma mulher que recebeu R$ 19 mil por engano enviado via PIX por uma ONG do Rio de Janeiro se recusa a devolver o dinheiro. A organização havia sido contemplada por um edital, e o dinheiro seria usado para bancar projeto social na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha, capital do Rio.

De acordo com informações do Centro Cultural Liga do Bem, a ONG fez a transferência para uma conta errada, de uma mulher de Curitiba com exatamente o mesmo nome da coordenadora do projeto social. Ao verificarem o erro na transação, a ONG conseguiu o contato da pessoa que recebeu o dinheiro.

“No entanto, após inúmeras e desgastantes tentativas, conversas, documentos enviados, áudios explicando que este projeto é para atender mais de 100 crianças em situação de vulnerabilidade social, a pessoa que recebeu o dinheiro começou a nos enrolar”, diz trecho de texto divulgado pela ONG.

No fim das contas, a mulher que recebeu o montante disse que não devolveria porque “a filha já tinha gastado todo o dinheiro. “Por causa de um erro de PIX e de mau caráter da pessoa que se apropriou desse dinheiro de forma ilegal, as crianças foram as mais prejudicadas em toda essa situação”, disse o texto.

Para dar continuidade ao projeto, que envolve aulas de música, perna de pau, teatro, confecção de figurinos e a realização de um cortejo de apresentação para a comunidade, a ONG tenta arrecadar dinheiro por meio de uma vaquinha. A meta é reaver os R$ 19 mil, mas, até o momento, apenas R$ 1.295,91 foram arrecadados.

 

 

Fonte: O Tempo

 

 

 

Comentários
COMPATILHAR: