Da Redação

Um ano e oito meses após a administração municipal de Formiga transferir a Escola Municipal de Música Eunézimo Lima (Emmel) da sede que ocupou desde a sua fundação, em 1995, à rua Sete de Setembro, no Centro, para o prédio da Universidade Aberta do Brasil (UAB), na rua Alderico Nogueira, bairro Sagrado Coração de Jesus, a escola será novamente transferida.

A mudança que ocorrerá na próxima segunda-feira (5), com o retorno às aulas na terça-feira (6), vem sendo alvo de muitas críticas de parte dos pais e dos próprios alunos que não consideram as novas instalações adequadas. O local escolhido e que está passando por reformas nessa semana é a sede do Museu Histórico Municipal Francisco Fonseca, que funciona na antiga Estação Ferroviária, localizado à rua Governador Valadares, no Centro.

De acordo com a administração municipal, o museu continuará a ocupar o mesmo local, na lateral direita do prédio da Estação Ferroviária. A Emmel ficará à esquerda, onde era feito o cadastramento do Programa Bolsa Família pela Secretaria de Desenvolvimento Humano.

Apesar de se tratar de um espaço amplo que estava sem utilização, as repartições dele são feitas por meio de divisórias que não isolam minimamente o som entre uma sala e outra, o que trará prejuízo a alunos e professores da escola onde são lecionadas aulas de teoria musical e de vários instrumentos.

O espaço reservado para Emmel está passando por reformas uqe não incluem o isolamento acústico das salas – Foto: Glaudson Rodrigues

Outra reclamação apontada pelos pais é de que o espaço a ser utilizado pela escola fica no mesmo prédio do Museu Histórico e que a mistura das duas atividades não é compatível devido ao barulho que a escola de música produziria no prédio, tornando as visitas ao museu desagradáveis. “Por fim, a mudança desvalorizará tanto a Emmel como o Museu, o que é um grande absurdo”, comentou um dos alunos que discorda da mudança.

A administração não divulgou os motivos da mudança, porém, era natural que a transferência fosse necessária devido a escola estar funcionando desde dezembro de 2017 no mesmo local da Universidade Aberta, onde são dadas aulas presenciais e aplicadas provas.

A Emmel está lotada na Secretaria de Educação e conta com mais de 300 alunos.

Emmel
A Escola de Música foi aberta em 6 de junho de 1995, na primeira gestão do prefeito Juarez Carvalho. A coordenadora do Departamento de Cultura, ligado à Secretaria de Esportes, e idealizadora da escola foi Maria José Boaventura juntamente com a musicista Elizabeth Silveira Castro Baptista de Souza, primeira diretora da escola.

Comentários
COMPATILHAR: