A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) identificou e fechou uma oficina utilizada para desmanche de veículos, na cidade de Divinópolis. Durante a operação, realizada no fim da tarde dessa quinta-feira (5), um homem, de 26 anos, foi preso em flagrante por receptação e adulteração de sinal identificador de veículo.

De acordo com informações do delegado responsável pelas investigações, João Marcos Ferreira, o alvo, que vinha sendo monitorado há cerca de dois meses, era suspeito de integrar uma organização criminosa que cometeu diversos furtos de veículos em Itaúna, Divinópolis e região, entre os meses de maio e agosto deste ano.

Na data da operação, o investigado foi visto conduzindo uma caminhonete suspeita. Após abordagem e vistoria minuciosa, constatou-se que o veículo estava com os sinais identificadores adulterados e, na verdade, pertencia a outra caminhonete que havia sido furtada no dia 30 de setembro na cidade de Campo Belo“, informa o delegado.

No local utilizado pelo indivíduo para o desmanche de veículos, foram encontrados e apreendidos três veículos, incluindo uma caminhonete clonada, outra parcialmente desmanchada e com os sinais identificadores adulterados e suprimidos, e um utilitário usado para a prática dos crimes.

Além disso, foram apreendidos maquinário e petrechos utilizados para desmanchar os veículos e adulterar os sinais identificadores, três centrais eletrônicas e diversas peças de automotores sem identificação, de modelos de uma tradicional montadora de veículos.

Ao ser questionado sobre os fatos, o investigado negou os crimes. Após os procedimentos de polícia judiciária, ele foi encaminhado ao sistema prisional e permanece à disposição da Justiça.

As investigações, conduzidas pela equipe de investigação de crimes contra o patrimônio da Delegacia de Polícia Civil em Itaúna, continuam com o objetivo de identificar outros membros da organização e recuperar os demais veículos furtados.

Foto: Divulgação/ Polícia Civil 

 

Fonte: Polícia Civil

 

COMPATILHAR: