Nove pessoas morreram e 83 ficaram feridas, neste feriado de Ano Novo, nas rodovias estaduais e federais sob a responsabilidade da Polícia Militar Rodoviária. O balanço oficial foi divulgado nesta segunda-feira (2) pela corporação, que registrou 179 acidentes entre o último dia 30 e esta segunda-feira. Neste período, 17 motoristas foram presos por dirigir embriagados.
Conforme o diretor de Meio Ambiente e Trânsito Rodoviário (DMAT), coronel Sérgio Augusto Veloso, durante o fim de ano foram deflagradas 782 operações que fiscalizaram 14.300 veículos. Desses, 65 foram apreendidos, 1.159 retidos e 166 removidos por algum tipo de infração. Um carro furtado foi recuperado.
Também no feriadão de fim de ano, os 1.870 policiais militares que patrulharam as rodovias recolheram 68 Carteiras Nacional de Habilitação (CNH), além de 149 Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). Durante a operação, 214 condutores inabilitados foram detidos.
Acidentes
Conforme a Polícia Militar, entre os 179 acidentes, 87 foram sem vítimas, 83 com vítimas leves ou graves e nove mortes. Quatro óbitos foram registradas no domingo ( 1º), três no sábado (31) e dois na sexta-feira (30).
O horário que registrou o menor número de acidentes foi de 0h às 5h59, com 27 acidentes. Já o maior número foi entre 12h e 17h59, quando ocorreram 66 colisões.
Entre as principais causas de acidentes estão embriaguez ao volante, desrespeito à distância de segurança, ultrapassagem proibida, excesso de velocidade e aquaplanagem.
Rodovias federais
Nas rodovias federais e estaduais de Minas, desde a última sexta-feira até domingo (1º), pelo menos quatro pessoas morreram em 13 acidentes. O balanço oficial dos acidentes no feriado de réveillon será divulgado nesta terça-feira (3) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). No Natal, 18 pessoas morreram em acidentes nas estradas.
De acordo com as polícias, as rodovias mais movimentadas ontem, com o fim das festas de fim de ano, foram a BR-381 na volta do Espírito Santo, a BR-040, para quem vinha da Zona da Mata e do Rio de Janeiro, e a MG-010, no retorno da Serra do Cipó. Ao longo do dia, foram registradas retenções em vários trechos dessas rodovias.

Comentários