A administração municipal, por meio da Secretaria de Saúde, vem esclarecer o boato que circulou nas redes sociais, na tarde deste sábado (1°), de que há uma paciente com vírus desconhecido internada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Formiga. Segundo o diretor da unidade, Samuel, a informação não procede.

A paciente que se encontra em ambiente de isolamento (um quarto onde se coloca paciente com alguma doença transmissível) na UPA está infectada com uma bactéria (Kleibisiela). Samuel informou que a bactéria é muito comum em CTI e em pacientes que tiveram internações prolongadas associadas a uso de sondas e cateteres, onde a bactéria tem a porta de entrada para o paciente.

O diretor da UPA garantiu que não há risco algum para os pacientes que estão circulando pela unidade, pois a bactéria não se pega pelo ar, somente pelo contato. Por isso, a paciente está isolada em quarto privativo. “Venho com muita segurança comunicar que NÃO há risco para os demais pacientes. É uma bactéria comum (Já tivemos vários casos nos CTI’s da região onde não foi necessário alarde. A população de Formiga pode frequentar a UPA com tranquilidade para receber os atendimentos”, afirmou Samuel.

A Secretaria de Saúde ressalta que está atenta às demandas da população.

 

Fonte: Decom ||
Comentários
COMPATILHAR: