A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano iniciou na tarde desta terça-feira (1º) o atendimento aos 163 sorteados do programa Minha Casa Minha Vida. O sorteio foi realizado no domingo (27), no Ginásio Vicentão.
Os sorteados receberam uma senha e foram atendidos por servidores da secretaria, que explicaram sobre a nova etapa que se inicia: a conferência de documentos, que garantirá o direito a unidade habitacional construída no Residencial Vila da Formiga.
Os 163 sorteados, além da explicação dos servidores, receberam uma carta com a listagem dos documentos necessários para que se confirmem as informações dadas durante o cadastro (que começou a ser feito em 2009). Em cada carta, que continha o nome do sorteado em questão, há também informações sobre o grupo no qual se classificou, endereço e data da entrega dos documentos, que vai de 15 a 18 de março.
Os documentos que deverão ser apresentados são:
– Declaração escolar original recente dos menores de 18 anos;
– Cópia da carteira de identidade, CPF, título de eleitor (frente e verso) e da carteira de trabalho de todos os maiores de 16 anos que residem na casa;
– É obrigatória a apresentação das carteiras de trabalho de todos os maiores de 18 anos que residem na casa;
– Cópia do cartão PIS ou PASEP;
– Deverá apresentar cópia das seguintes páginas da carteira de trabalho: página da foto, página do último contrato de trabalho e da próxima página; caso nunca tenha tido a carteira de trabalho assinada, o cidadão deverá apresentar cópia da primeira página dos contratos, além da foto e atrás da foto;
– Cópia do comprovante de renda recente de todos que trabalham na casa (se for aposentado ou receber pensão, benefício, auxílio maternidade, auxílio doença, BPC, pensão por morte etc., comprovante original do INSS) e se alguma pessoa estiver recebendo seguro desemprego, apresentar comprovante do último pagamento;
– A cópia do comprovante de renda não poderá ser do 13º salário, nem do mês de férias. Deverá ser cópia do mês normal trabalhado;

– Cópia das certidões de nascimento de todos que residem na casa (se for casado, separado ou divorciado, apresentar certidão de casamento ou de nascimento);
– Cópia do comprovante de endereço recente (contas de água, luz ou telefone)
– Se houver viúvo ou órfão na casa, apresentar certidão de óbito e comprovante original do INSS de que não recebe pensão por morte;
Se houver algum menor de 16 anos na casa e a mãe não morar junto, apresentar, obrigatoriamente, declaração do Conselho Tutelar de que esse menor está sob os cuidados do cadastrado ou Termo de Guarda Judicial;
-Pessoas com 60 anos ou mais, deverão apresentar, obrigatoriamente, declaração original do INSS de que não recebem aposentadoria.
Assim que os cadastrados entregarem a documentação, esta será encaminhada a Superintendência da Caixa Econômica Federal, que irá analisar cuidadosamente todas as informações. Caso a documentação de algum cadastrado sorteado seja reprovada durante a análise, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano convocará os suplentes, que serão chamados pela ordem de sorteio.

Comentários
COMPATILHAR: