O padre José Ulisses da Silva fez uso da ?Tribuna do Povo? durante a reunião na Câmara Municipal desta terça-feira (16) para falar sobre as Missões Redentoristas que estão ocorrendo na Paróquia Sagrado Coração de Jesus desde o dia 5 deste mês.
O grupo de 18 missionários e dez seminaristas se distribuiu pelas 23 comunidades da paróquia, realizando um trabalho de animação da vida de fé dos católicos, de convocação daqueles que estão afastados da participação na Igreja e de evangelização explícita sobre a prática da fé e da moral cristãs. Os trabalhos serão encerrados no domingo (21), na praça da Matriz do Sagrado Coração de Jesus, às 8h.
O padre ressaltou que o objetivo das missões é renovar a fé de cada comunidade a união e o desejo de ver cada vez mais a comunidade católica crescer na cidade de Formiga e se tornar mais significativa. ?Já estivemos em Formiga em 1969 e em 1986. O nosso trabalho é de ajuda ao pároco. Após as missões estaremos delegando às comunidades a continuidade desse trabalho. Tenho certeza que nossa presença traz para essas pessoas um momento de alegria e de união, renovando o desejo de colaborar com a comunidade. Formiga é uma cidade de acolhimento muito boa, sentimos isso durante esses dias?.
José Ulisses da Silva esteve no plenário acompanhado pelo pároco José Pimenta, que completou nesta terça 25 anos de ordenação sacerdotal. Padre Pimenta explicou que estão celebrando 50 anos da paróquia. ?Estamos dando a nossa contribuição o melhor possível. Eu chego e digo: não aceito bebidas alcoólicas nas festas da igreja, nem músicas imorais, não aceito animador falando imoralidade nas festas e meia-noite é o horário limite, caso contrário negocio a minha saída da paróquia, pois combatendo isso já estou a favor da vida, dando a minha contribuição a criança, ao jovem, ao adulto e ao idoso, para que ele tenha uma convivência mais respeitosa e educada?, disse padre Pimenta.

COMPATILHAR: