A Prefeitura de Rio Novo, na Zona da Mata mineira, confirmou uma morte por Covid-19 causada pela variante delta do novo coronavírus. O paciente de 74 anos veio do Rio de Janeiro para visitar parentes na cidade do interior.

Segundo a Prefeitura, o idoso foi atendido em uma unidade médica de Rio Novo e reencaminhado a Juiz de Fora, na mesma região do estado. Na última sexta, a prefeitura vizinha confirmou a Rio Novo que se tratava de uma infecção pela cepa delta.

“A Secretaria de Saúde orienta para que toda população mantenha as medidas de combate à Covid-19. Segundo estudos recentes, as vacinas são eficientes e protegem também contra a (variante) delta, mas ela é mais virulenta, ou seja, transmite mais rápido e infecta mais pessoas”, informou Rio Novo em nota nas redes sociais.

Rio Novo tem 500 casos confirmados de Covid-19 e 25 mortes atestadas. A cidade tem pouco mais que 8 mil habitantes. A informação foi veiculada inicialmente pelo jornal O Tempo e confirmada pela reportagem.

Durante reunião do Comitê Extraordinário Covid-19 realizada na quinta, o secretário de Estado de Saúde Fábio Baccheretti disse que o número de casos da delta ainda é baixo, embora a tendência seja de aumento. Minas já tem transmissão comunitária da cepa.

Há 12 casos confirmados no estado, sendo cinco na macrorregião Centro, quatro na Sudeste, dois na Noroeste e um na Norte. Esse total corresponde a 0,4% das amostras mineiras. No país, 21% das amostras já indicam contaminação pela variante.

Além disso, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) analisa outros oito casos prováveis ligados à Delta.

Fonte: Estado de MInas

COMPATILHAR: