A sucuri, também conhecida como anaconda, é a maior cobra da fauna brasileira. A maioria da espécie possui cerca de nove metros de comprimento, podendo ultrapassar 10 metros.
Com expectativa de vida de aproximadamente 30 anos, a serpente recordista pesa entre 30 a 90 quilos, mas é capaz de atingir até 250 quilos. Sua mordida não é venenosa, mas às vezes causa infecções.
A cobra é carnívora e se alimenta de mamíferos como capivaras, veados, cutias, podendo ainda matar um jacaré ou um ser humano por asfixia. Na época da reprodução, período que fica mais agressiva, é capaz de comer um dos machos da espécie.
Quando a anaconda apanha a presa, tenta levá-la para a água e matá-la por afogamento. Caso não pode fugir a um ataque, a serpente morde para se defender.
Origem e habitat
Originária do Pantanal, a cobra gosta de ambiente semi-aquáticos. Habita nas regiões tropicais da América do Sul, no leste dos Andes e principalmente na bacia Amazônica e nas Guianas.
No Brasil, existem três espécies de anaconda. A amarela vive no Pantanal, a verde é encontrada nas áreas alagadas do Cerrado e da Amazônia, e a malhada só existe na ilha de Marajó, no Pará.
Hábitos
O animal possui hábitos solitários, é agressivo e difícil de ser observado. Uma característica da sucuri é permanecer parcialmente escondida na água, o que dificulta precisar e registrar tamanhos maiores que os já observados.
Filme
A cobra recordista foi tema do filme Anaconda, que conta a história de uma expedição de cientistas americanos, que vieram para o Brasil, na Amazônia, em busca da espécie.

Comentários