A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Saúde, anunciou na quinta-feira (9) um novo teste confirmatório de aids, com a possibilidade de diagnóstico em cerca de 20 minutos. Atualmente, já existe um teste rápido deste tipo, porém, trata-se apenas de uma triagem – sendo necessário um segundo teste para confirmar a existência do vírus.
Cinco vezes mais barato que o anterior, o novo teste estará disponível na rede pública de saúde a partir do segundo semestre deste ano e será aplicado a casos mais graves – quando a suspeita precisa de uma confirmação mais rápida, por exemplo uma mulher grávida.
Segundo a assessoria de imprensa da Fiocruz, a tendência é que o teste anterior seja substituído aos poucos pelo novo exame.

Comentários