Na manhã desta quarta-feira (29), foi sepultado no município de Pimenta, Otávio Jordany Melo Resende. Ele foi vítima do incêndio na Santa Casa de Belo Horizonte, ocorrido no fim da noite de segunda-feira (27). O jovem, de 23 anos, estava internado na unidade para tratamento de um câncer no sistema linfático.

Segundo a funerária Santa Rita, o jovem foi sepultado por volta de 10h no Cemitério Municipal, com a presença de amigos, familiares e moradores.

Vítima de Pimenta

Otávio era morador de Pimenta, mas nasceu em Piumhi, e segundo informações do vice-prefeito, Fabrício Clemente, que tem contato próximo com a família, ele estava internado na unidade há 47 dias. Nos últimos 21 dias, ele estava no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). O estado de saúde do jovem era grave. Ele tratava um linfoma de hodgkin – um tipo de câncer no sistema linfático.

“Ele estava no quarto 63, quando pegou fogo no quarto 61 do Centro de Tratamento Intensivo (CTI), nas mangueiras de oxigênio. Por conta disso faltou oxigênio no quarto dele e ele veio a óbito. Segundo a família o quadro clínico dele era instável”, disse Fabrício.

Tratamento

Ainda segundo informações repassadas ao G1 Minas pela namorada de Otávio, Júlia Moura, ele se recuperava de uma infecção bacteriana no pulmão que adquiriu depois de passar por um transplante autólogo, em que as próprias células-tronco do paciente são removidas e depois reinseridas.

“Ele estava estável dentro do quadro grave dele. Ele não podia ser transportado por causa do oxigênio, da ventilação mecânica. Mas aí, teve isso. O fogo não chegou no quarto, mas a fumaça chegou. E ele teve que sair de lá”, contou Júlia Moura, namorada de Otávio.

Otávio não resistiu ao ser retirado do CTI. Outras duas pessoas também morreram, segundo a Polícia Civil. Já a Santa Casa confirmava duas mortes até a conclusão da reportagem. Além de Otávio, foi identificado o corpo de Cezar Freitas de Jesus, de 51 anos.

Angústia

Júlia disse também que o corpo de Otávio demorou para ser encontrado. “Ele saiu sem a identificação. Levaram o corpo para o necrotério, depois voltaram para a enfermaria. Foi muita angústia durante a madrugada. Só o encontramos depois das 4 da manhã”, disse a namorada.

Fogo atingiu o 10º andar da unidade

Segundo o Corpo de Bombeiros, o fogo atingiu o 10º andar da Santa Casa, onde fica a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A instituição afirmou que as vítimas não sofreram queimaduras.

“Não houve nenhum tipo de óbito em decorrência direta do incêndio. Nenhuma pessoa que, por uma questão de queimadura, por inalação de fumaça ou por outro produto da combustão, ela tenha se transformado em óbito”, afirmou o tenente Pedro Aihara , porta-voz do Corpo de Bombeiros.

Fonte: G1

Comentários
COMPATILHAR: