Redação Últimas Notícias 

Clientes da operadora Vivo enfrentam problemas para fazer ligações e acessar a internet desde a manhã desta quarta-feira (4).

Diversas pessoas que utilizam o celular como instrumento de trabalho relataram nas redes sociais os prejuízos por conta da situação.

O Últimas Notícias entrou em contato com a operadora, mas ainda não obteve retorno.

Milhares de clientes no Espírito Santo também tiveram problemas com a Vivo, na noite dessa terça-feira (3). De acordo com o portal Gazeta Online, de Vitória/ES, a operadora informou que os clientes podem ter encontrado dificuldades para completar ligações devido a uma falha em equipamentos de rede da empresa que apresentaram indisponibilidade momentânea.

O UN questionou se há relação com o problema enfrentado pelos clientes no Espírito Santo e aguarda o retorno da Vivo.

Falhas na prestação de serviço Vivo são recorrentes em Formiga e região. Em março do ano passado, o Procon do município notificou a empresa solicitando esclarecimentos.

Procon se posiciona

Segundo a coordenadora do Procon, Iara Faria, os usuários podem requerer à Vivo o desconto proporcional na fatura referente ao período em que houve a ausência no sinal ou restituição referente aos dias em que o serviço não foi corretamente prestado. “Caso o requerimento não seja atendido pela operadora, os consumidores que se sentirem lesados ou necessitarem de algum esclarecimento devem comparecer ao Procon, apresentando documentos pessoais, fatura a ser contestada, bem como o número de protocolo de contestação fornecido pela operadora Vivo”.

Iara informou ainda que algumas reclamações de usuários da operadora já foram registradas. “Em contato hoje [quarta-feira] com a Vivo, através do canal disponibilizado para o atendimento de Procons, a operadora informou que não consta em seu sistema qualquer falha técnica, mas encaminhou as reclamações para o setor responsável”.
O Procon fica no Terminal Rodoviário, sala 02, no Centro. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, de 8h às 11h30 e de 12h30 às 17h. O telefone de contato é o (37) 3329-1830.

*Matéria atualizada às 17h15

Comentários
COMPATILHAR: