A partir do dia 1º de abril, a vice-prefeita de Formiga, Adriana Prado, será confirmada oficialmente como prefeita. Mas não será como uma vice substituindo o titular, será como prefeita de maneira definitiva.

De acordo com informações do jornal “O Pergaminho”, o prefeito Eugênio Vilela abrirá caminho para que Adriana tenha viabilidade legal para disputar o cargo de prefeita nas eleições municipais de 6 de outubro.

Segundo o jornal, uma importante fonte da administração relatou que a motivação das mudanças aconteceu pelo fato de Eugênio e Adriana serem casados e de ela ter se estabelecido como pré-candidata ao cargo maior do Executivo nas eleições municipais deste ano.

A decisão teria sido tomada depois de um estudo feito pela própria Adriana, que é professora na área eleitoral, dentre outras, do curso de direito do Unifor-MG. O trabalho foi retificado por uma consultoria eleitoral contratada a um conceituado escritório de advocacia de Belo Horizonte.

Segundo a lei eleitoral, poderia haver problemas no registro da candidatura sendo ela a esposa do prefeito. Eugênio não estando à frente do Executivo seis meses antes das eleições, Adriana seria candidata à reeleição e não seria mais a esposa do prefeito, já que a prefeita será ela.

Fonte: O Pergaminho

 

COMPATILHAR: