Os jogadores do Cruzeiro consideram que a tarefa da equipe celeste de garantir uma das vagas na Libertadores não será fácil. Apesar de o time estar entre os quatro primeiros do Campeonato Brasileiro, a equipe mineira terá de vencer pelo menos um dos dois jogos que fará como visitante, contra Internacional e Sport, além de derrotar o lanterna América-RN no Mineirão, para não depender de outros resultados.
Para o atacante Roni, o time vai ter de repetir a boa atuação que apresentou na vitória contra o Flamengo no último domingo, para poder conquistar a esperada vaga na competição internacional. Nós vamos ter de jogar muita bola, nossa tabela é difícil; dois jogos fora e vamos ter que jogar tudo o que não jogamos nas últimas rodadas para a gente voltar com a classificação nesses dois jogos fora, afirmou.
O experiente jogador, artilheiro da equipe cruzeirense com 11 gols, acredita que o time mineiro é merecedor de conseguir a vaga para a Libertadores. Acho que por tudo que fizemos merecemos a vaga, teve um momento que todo mundo dizia que a gente estava jogando o futebol mais bonito. Espero que a gente consiga realmente fazer merecer esta conquista, disse Roni.
Para que o Cruzeiro some pontos e conquiste a vaga na Copa libertadores, o técnico Dorival Júnior alerta para a necessidade de se dar um passo de cada vez. De maneira alguma devemos objetivar um jogo futuro sem cumprir a missão da partida seguinte. A nossa preocupação de momento é com o Internacional e não podemos pensar nada além disso, analisou.
Temos que nos preparar ainda mais e de uma maneira melhor do que aconteceu com o Flamengo, onde a equipe conseguiu resgatar toda a alegria de jogar futebol e buscamos essa manutenção, salientou Dorival Júnior, traduzindo o clima de tranqüilidade que tomou conta do time celeste, após os 3 a 1 sobre o rubro-negro.
Espero que tenhamos aprendido uma lição importante neste momento do campeonato e saibamos que esses três jogos finais serão fundamentais. O elenco tem que estar mais preparado em busca dos objetivos, afirmou o treinador cruzeirense.

Leandro Domingues retorna

O meia Leandro Domingues parece ter levado a melhor na disputa por uma vaga no meio-campo do Cruzeiro que enfrenta o Internacional, sábado, às 18h10, em Porto Alegre. Durante a semana, o armador treinou entre os titulares na vaga de Wagner, que recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão no jogo do Beira-Rio.
O técnico tem ainda como opções para a vaga Kerlon, Maicosuel e Marcinho. Espero ter essa oportunidade novamente contra o Internacional para que possa ajudar o Cruzeiro a sair com os três pontos, observou Leandro Domingues, que foi substituído por Kerlon em algumas partes dos treinos.
O meia aprovou a formação com três volantes – adotada pelo técnico Dorival Júnior na vitória sobre o Flamengo, por 3 a 1, domingo passado, no Mineirão – para que possa ter mais liberdade para armar jogadas e até chegar para finalizar.
Com três volantes, a marcação fica mais forte para dar um pouco de liberdade para eu tentar criar as jogadas, botar um companheiro na cara do gol e também fazer os gols, afirmou Domingues.
Durante a semana, o Cruzeiro treinou a seguinte formação: Fábio; Mariano, Leo Fortunato, Emerson, Jonathan; Luís Alberto, Ramires, Charles, Leandro Domingues (Kerlon); Guilherme e Roni.

COMPATILHAR: