O presidente Jair Bolsonaro (PL) não vai participar da Cerimônia do Congresso em homenagem ao bicentenário da Independência do Brasil. O evento acontece na manhã desta quinta-feira (8). A informação foi confirmada pelo Senado Federal.

De acordo com o órgão, a solenidade irá contar com a presença de ex-presidentes brasileiros, o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo, e de outras autoridades estrangeiras, que serão recebidos pelos presidentes do Congresso, Rodrigo Pacheco, e da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, na rampa do Palácio do Congresso Nacional, com tapete vermelho e guarda dos 48 dragões da independência.

Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada – residência oficial do presidente da República na capital federal – por volta de 9h desta quinta e foi atender a apoiadores que estão no local no chamado “cercadinho”, ainda em indicação da ida ao Congresso. O momento foi transmitido no Facebook do candidato.

A desistência do presidente da ida ao Congresso acontece um dia depois dos atos convocados por ele pelo 7 de Setembro. Bolsonaro participou de desfile militar em Brasília na manhã de quarta-feira (7) e, depois, subiu em um trio elétrico para discursar a apoiadores. Ele afirmou que usará a eleição para trazer “todos” para jogar dentro das quatro linhas da Constituição, em referência aos demais Poderes.

Fontes: Estado de Minas e O Tempo

Comentários
COMPATILHAR: