Com vaga assegurada na semifinal do Campeonato Mineiro e preocupado em poupar jogadores para a decisiva partida da próxima quinta- feira quando enfrenta o San Lorenzo da Argentina pela Copa Libertadores, o Cruzeiro venceu o Ipatinga por 2 a 0 ontem, no Mineirão. A vitória devolveu aos celestes a liderança isolada do Estadual e deixou o Ipatinga mais perto do rebaixamento. O Tigre terá de vencer o Villa Nova na última rodada para evitar o rebaixamento enquanto que a Raposa decide o primeiro lugar contra o Tupi. em Juiz de Fora.
Jogando em velocidade pelas laterais, a equipe celeste abriu o placar aos 22min. O estreante Fabinho, contratado da Cabofriense-RJ, recebeu a bola na área e bateu no canto esquerdo sem chances para o goleiro Rodrigo Posso.
Após levar o gol, o Ipatinga tentou esboçar uma reação e criou boas chances de chegar ao empate, principalmente pelo lado esquerdo do campo. Em uma delas, aos 31min, o lateral-esquerdo Beto concluiu no travessão. O Cruzeiro ampliou aos 42min. Wagner cobrou uma falta rasteira do lado direito e Marcinho finalizou de primeira no canto esquerdo. Na comemoração, os cruzeirenses cantaram a música do créu. O time do Vale do Aço ainda poderia ter diminuído a vantagem celeste se o árbitro tivesse marcado o pênalti cometido pelo zagueiro Thiago Martinelli. Ele tocou a bola com a mão dentro da área aos 38min.
A partir de 9min do segundo tempo, o Cruzeiro ficou sem o zagueiro Thiago Gosling, expulso depois de cometer uma falta contra atacante Osmar. Com um jogador a mais, o Tigre se arriscou mais no ataque, mas esbarrou no goleiro Fábio.

Comentários