Já se foi o tempo em que o município de Formiga era tranquilo e bom de se morar. Hoje, o que se ouve nas ruas e se lê em redes sociais é o quanto a cidade ficou perigosa. De uns tempos pra cá, a criminalidade e a violência aumentaram assustadoramente.
Em levantamento feito pelo jornal Nova Imprensa e portal Últimas Notícias, em apenas 20 dias, quatro pessoas foram assassinadas no município.
O caso mais recente ocorreu na terça-feira (21). Os corpos de dois jovens foram encontrados em uma estrada vicinal que dá acesso à Granja Rancho Alegre, às margens da rodovia BR-354.
Segundo o Tenente Lúcio, uma pessoa que passava pela estrada se deparou com um veículo e os corpos das vítimas. A Polícia Militar foi acionada por volta das 12h30 e compareceu ao local.
O militar informou ao jornal que as duas vítimas tinham passagens pela polícia, por suspeita de tráfico de entorpecentes. Um dos jovens, suspeito também de dar fuga aos assaltantes do Sicoob/Credifor e do Divinocred, ocorridos no mês de outubro de 2013.
Uma camionete Fiat Strada, com as mesmas características do dia dos assaltos, estava parada no meio da estrada. Os documentos do veículo estavam em nome de Juninho, uma das vítimas encontradas no local.
De acordo com os peritos, os corpos de Kenedy F. Andrade Silva de 27 anos (Keninho), morador do bairro do Rosário e Júnio Silva de Oliveira, de 23 anos (Juninho), morador da Vila Ferreira, apresentavam três perfurações, cada um, provavelmente provocadas por disparos de arma de fogo.
O delegado de homicídios, Vivalde Júnior e sua equipe estiveram no local e, segundo ele, está sendo feito um levantamento, pois é bem provável que o fato esteja relacionado ao tráfico de drogas.
Testemunhas que trabalham perto do local relataram que viram o Fiat Strada, juntamente com outro, provavelmente um Ford Fiesta, de cor dourada, passarem pelo local em alta velocidade.
Materiais encontrados
Uma equipe de policiais militares se deslocou até a residência da vítima, Kenedy Francis Andrade Silva, para realizar buscas no local em razão de uma denúncia.
No quarto de Kenedy foram encontrados um revólver calibre 22, da marca Rossi e uma caixa contendo 43 munições calibre 22 intactas.
Segundo a assessoria de comunicação da PM, durante as buscas, os militares apreenderam ainda vários objetos de procedência duvidosa: 12 motores elétricos de potências variadas, 11 aparelhos de ar condicionado industriais, 13 suportes de alumínio usados na fixação de ar condicionado, além de uma motocicleta Honda CBX Twister vermelha.
Assassinatos no Geraldo Veloso e Terminal Rodoviário
No dia 13 deste mês, o corpo de Rosana Aparecida de Faria, de 48 anos, foi encontrado em meio a um matagal, enterrado em uma cova rasa, com partes expostas.
A filha da mulher esteve no Posto Policial localizado no Terminal Rodoviário para registrar o desaparecimento de sua mãe.
De acordo com os policiais, foi utilizada uma cavadeira (ferramenta para fazer buracos) para matar a mulher e furar a cova.
Testemunhas contaram que o assassinato teria ocorrido durante uma festa, quando a mulher foi agredida com uma garrafa e depois arrastada até o matagal onde foi morta. Seis pessoas foram detidas, mas ninguém confessou o crime.
Outro caso ocorreu no dia 29 de dezembro. Um jovem de 21 anos foi assassinado a tiros na praça do Terminal Rodoviário.
Populares que estavam no local no momento do crime informaram que foram efetuados três disparos, dois atingiram o jovem Gustavo Henrique Costa, que foi ferido no ombro e no abdômen.
Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência, durante o serviço levantou-se a informação de que Gustavo estava sendo ameaçado de morte.
Além dos casos mencionados, no dia 7 de dezembro Igor Felipe Augusto, de 15 anos, foi assassinato durante um baile funk, em uma casa de shows, próximo ao Parque de Exposições.

Comentários
COMPATILHAR: