Uma briga entre vizinhos terminou com um fisiculturista baleado por um Policial Militar, na tarde de terça-feira (24), no bairro Aero Rancho, em Campo Grande (MT). Segundo a corporação, o atleta foi até a casa do agente de segurança questionar sobre uma manga que teria caído em sua residência. A confusão foi registrada por câmeras de segurança da região.

Nas imagens, é possível ver o momento que o fisiculturista chega até a casa do policial. Em seguida, desce do carro e joga uma manga contra o portão do imóvel e saca uma arma em direção à rua. Pouco depois, o PM sai de casa e atira contra a perna do atleta e o manda deitar no chão.

A Polícia Militar, o Batalhão de Choque, a Polícia Civil e a Perícia estiveram no local da briga. Conforme o delegado Felipe Madeira, responsável pelas investigações, a discussão começou após o atleta ir até a casa do militar reclamar de uma manga que caiu no seu quintal. Entretanto, o fisiculturista não sabia que o vizinho era PM e o ameaçou.

“Ele foi a primeira vez, fez ameaças e momentos depois voltou. As imagens mostram que ele engatilha a arma, só que ele não esperava que o vizinho fosse policial”, relatou Madeira.

Ainda segundo o delegado, o fisiculturista foi atingido com um tiro na perna e preso em flagrante. De acordo com a Polícia Civil, o militar agiu em legítima defesa e foi liberado após prestar depoimento. A Polícia Militar informou que o caso ocorreu fora do horário de serviço do agente de segurança e por isso não irá se posicionar.

O fisiculturista, segue internado na Santa Casa da região, mas o seu estado de saúde não foi divulgado. Ele deve responder por posse de arma de fogo de uso permitido, porte de arma de fogo de uso restrito, ameaça e receptação.

 

Fonte: O Tempo

 

COMPATILHAR: