O número de vagas criadas para empregos com carteira assinada criadas no Brasil nos sete primeiros meses de 2008 alcançou a marca histórica de 1 milhão 564 mil empregos. Segundo dados fornecidos pelo Caged ? Cadastro Geral de Empregados e Desempregados ? do Ministério do Trabalho, isso representa um aumento de 5,4% no ano e de 27% sobre o recorde anterior – 1,2 milhão de empregos em todo o ano de 2004.
Em Formiga os números também são altos. Já foram criados 2979 vagas. Somente em 2008 já foram criados 824 empregos, sendo 68 em julho. Nos últimos doze meses já foram criados 1378 postos de trabalho, 10,57% a mais que o mesmo período entre 2006 e 2007.
As áreas que mais criaram vagas em julho foram as de construção civil, com 230 vagas, e agropecuária, com 194. Nos últimos quatro anos, a construção civil contratou mais: 731 vagas foram criadas. O setor de serviços ficou em segundo com 650 vagas e o de comércio ficou em segundo com 630 postos de trabalho criados.
Somente em julho foram criadas 203.218 vagas em todo o país, 60% a mais do que o registrado no mesmo mês do ano anterior e o melhor resultado para meses de julho. O recorde anterior era julho de 2004, que registrou 202.033 novos postos de trabalho.
Nos últimos 12 meses, a geração de empregos formais já encosta nos 2 milhões. Foram 1,959 milhão de vagas abertas. Os números de Caged consideram a diferença entre contratações e demissões em um mesmo período.

Comentários
COMPATILHAR: