Como acontece anualmente, o salário mínimo irá passar por reajuste na virada do ano. E, como prevê a Lei, nenhum benefício concedido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode ser inferior ao salário mínimo. Logo, o reajuste para aposentados, pensionistas e demais assistidos deverá acontecer em 2023.

A Constituição Federal prevê que o piso salarial não pode ser menor do que a inflação. Isso significa que à medida que os preços dos produtos e serviços no comércio brasileiro aumentam, o salário do trabalhador deve subir também. Desta forma, as pessoas, teoricamente, seguem tendo poder de compra.

Reajuste: novo salário mínimo de 2023

Seguindo as projeções baseadas no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO), o salário mínimo de 2022 (R$ 1.212) poderá ser, em 2023, R$ 1.294. Este novo valor foi calculado com base no índice inflacionário de 6,7% medido pelo INPC.

Se considerados as previsões divulgadas pelo Ministério da Economia em julho, com relação à projeção da LDO, o valor poderá chegar até R$ 1.302.

Vale a ressalva de que estas são apenas projeções e estimativas baseadas em leis e em relatórios divulgados até o momento. O valor definitivo será divulgado pelo governo em janeiro de 2023. 

(Com informações do Jornal Contábil)

 

Fonte: O Tempo

Comentários
COMPATILHAR: