O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta quarta-feira (20), o início da operação do Fundo de Garantia de Operações de Crédito Educativo (Fgeduc), que aparece como agente de garantia para os estudantes interessados em usar o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). Com o fundo, não haverá mais a necessidade de fiador para alunos matriculados em cursos de licenciatura, que tenham renda familiar mensal per capita de até um salário mínimo e meio ou que sejam bolsistas parciais do Programa Universidade para Todos (ProUni).

Como funciona
O Fgeduc será mantido pelo Tesouro Nacional e pelas instituições de ensino superior que aderirem ao projeto. Elas terão que repassar ao fundo parte do valor que recebem do MEC pelos alunos matriculados no Fies. O estudante deve indicar a nova opção de financiamento e verificar se a instituição desejada aderiu ao mesmo. Independente do benefício escolhido, o agente financeiro deve ser escolhido entre a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil.

Novidades
Outra medida anunciada pelo MEC foi a amplificação do prazo de quitação do financiamento. Todos os estudantes que tenham firmado contrato até 14 de janeiro de 2010 podem revisar o prazo de pagamento da dívida para até três vezes o período combinado, mais 12 meses, por meio da página eletrônica do Fies (www.mec.gov.br).

As mudanças no financiamento começaram a partir de abril deste ano, quando foi abolido o período de inscrições para o Fies. Desde então, os estudantes podem aderir ao programa a qualquer momento. Outra mudança foi a redução dos juros para 3,5% ao ano.

Fies
O FIES é um programa do Ministério da Educação que tem como objetivo financiar a graduação de alunos matriculados em cursos superiores não gratuitos. As inscrições podem ser feitas no endereço eletrônico desenvolvido pelo MEC e pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE): www.mec.gov.br. Os acadêmicos do Unifor-MG podem se inscrever no programa, já que o Centro Universitário de Formiga faz parte das instituições que receberam avaliação positiva (nota 4) no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES). Os alunos podem receber até 100% de financiamento por meio do Fies.

Comentários