Um motorista com sintomas de embriaguez foi detido na noite desse sábado (5) após atropelar duas pessoas, entre elas um cadeirante, na rua Salinas, bairro Floresta, região Leste de Belo Horizonte. 

As duas vítimas estavam na calçada, que foi invadida pelo veículo conduzido pelo homem de 25 anos. Os dois tiveram ferimentos leves. 

O motorista estava sem a carteira de habilitação e fez o teste do bafômetro que constatou a embriaguez.  

Outros casos  

A ‘combinação’ de álcool e volante causou tragédias recentemente em Belo Horizonte.  No dia 28 de fevereiro, a manicure Cássia Gomes Chaves, de 35 anos, morreu após ser atropelada pelo advogado Daniel Boczar Leão, de 24 anos. Ele dirigia uma BMW e fugiu sem prestar socorro. 

O advogado chegou a ser preso, mas foi liberado provisoriamente após pagar uma fiança de R$12.120.  

 No dia 15 de fevereiro, o empresário Leandro Coelho de Matos, de 43 anos, foi preso após atropelar Eliane Aparecida Campos Flores, de 56 anos, no bairro Ipiranga, região Nordeste de Belo Horizonte. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), ele apresentava sintomas de embriaguez, furou uma blitz e estava com carteira de habilitação suspensa.  Leandro se recusou a fazer o teste do bafômetro.    

Fonte: Itatiaia

COMPATILHAR: