O novo cadastramento da Prefeitura de Belo Horizonte fez com o que o valor do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) aumentasse até 2.000%.

A Prefeitura atualizou o cadastro de 65 mil imóveis com o aerolevantamento realizado no ano passado. Esses imóveis são os que foram verificados um acréscimo de área construída. Teve casos de IPTU que passou de R$ 400 pra R$ 9.000.

Esse novo cadastro foi feito com foto aérea e lançamento de laser que permite fazer a projeção 3D das casas. Foram recadastrados imóveis com uma diferença de pelo menos 30% de área construída a mais que o registro da prefeitura.

Do total de 65 mil imóveis recadastrados, 50 mil tiveram visita física dos técnicos. Os outros 15 mil foram realizados só com o aerolevantamento.

A expectativa é de que, no IPTU 2018, outros imóveis sejam recadastrados, porque nem toda área de BH foi avaliada.

Com esta ação, a PBH espera um aumento de arrecadação de mais de R$ 70 milhões.

Importante

Tem que esclarecer que isso não é uma atualização do mapa de valores igual aconteceu em 2009. O valor médio de medição de quanto vale o metro quadrado continua com base em 2009, a atualização e para casas que tiveram a área construída aumentada.

 

Fonte: O Tempo Online ||

Comentários
COMPATILHAR: