Um ônibus que realiza o transporte fretado de passageiros da Buser se envolveu em um acidente na madrugada desta sexta-feira (3) na BR-040, perto de Barbacena, no Campo das Vertentes. Apenas uma passageira se feriu.

O repórter Fhilipe Pelájjio, do blog Moon BH, parceiro do Portal Uai, estava no veículo, que saiu de Belo Horizonte com destino à cidade do Rio de Janeiro (RJ) com 46 passageiros, além do motorista e do auxiliar. O ônibus é da empresa Nova América Turismo, parceira da Buser, conforme o aplicativo.

Pelájjio contou que o acidente ocorreu por volta das 2h30. Uma equipe da concessionária Via 040 prestou socorro ao grupo, que estava no km 718. Uma das passageiras se cortou no vidro da janela de emergência. Ela foi levada para um hospital com uma outra passageira como acompanhante.

O repórter disse que, por causa das marcas na pista, as pessoas suspeitaram que o motorista tivesse cochilado e perdido a direção. No entanto, conforme o condutor, ouvido por ele, o acidente envolveu outro veículo. “Segundo o motorista ‘um caminhão entrou bruscamente na pista sem sinalizar. Para evitar uma colisão, joguei o ônibus à esquerda e acabou caindo na canaleta que separa as vias’”. A causa exata do acidente depende da investigação.

“O momento foi de choque, claro. Todo mundo que estava do lado direito caiu em cima de quem estava do lado esquerdo. Todos os passageiros se ajudaram a evacuar pelas saídas de emergência superior, que com o tombo, estavam quase ao nível da rua”, explicou Pelájjio. 


De acordo com o passageiro, representantes da Buser entraram em contato com eles pelo celular pouco depois do acidente e lamentaram o ocorrido, prestando apoio. Um novo veículo foi enviado pouco antes das 6h, mas os passageiros esperaram para sair até por volta das 7h30. “A PRF (Polícia Rodoviária Federal) fez perícia para liberar o pessoal da 040 e desvirar o ônibus. Aí, depois, transferimos a bagagem”, explicou. Fora as duas jovens que foram para o hospital, os demais passageiros decidiram seguir para o Rio.

“Eu disse a eles que íamos precisar de assistência, como lanche já que atrasaríamos horas. Disseram que iam ver. Mas paramos pra comer e ninguém disse nada. Então pode ser que ofereçam um reembolso ou não”, comentou sobre a empresa. Por volta das 8h, o novo ônibus já havia alcançado Juiz de Fora, na Zona da Mata. 

Em 2019, ocorreu o primeiro acidente grave envolvendo um ônibus ligado à empresa desde o início de suas atividades. Na madrugada de 13 de novembro daquele ano, um ônibus que seguia de São Paulo (SP) para a capital mineira. O motorista, de 64 anos, morreu. Nenhum passageiro sofreu ferimentos graves, mas alguns tiveram que ser levados para um hospital. 

Comentários