Thyago Pereira da Silva, de 21 anos, era tutor do um pit bull chamado Cairo. Durante um passeio em uma praça na cidade de Caiapônia, em Goiás, Thyago prendeu o cachorro em uma árvore e ele acabou atacando um menino de 11 anos que brincava no local, após o animal se assustar com uma bola.

A criança foi socorrida e Thyago levou o cachorro de volta para casa. Durante a noite, Leandro, pai do menino que foi atacado, apareceu na porta de Thyago junto de outras pessoas.

Leandro fez ameaças e pediu o cachorro. Então, o homem pegou um pedaço de madeira e deu sete golpes no animal, que não resistiu.

O agressor foi preso, mas a família da vítima está com medo, pois têm outro pit bull na casa, uma fêmea, que acabou de dar à luz a seis filhotes.

 

Fonte: R7

 

COMPATILHAR: