Redação Últimas Notícias

Uma operação da Polícia Militar desmantelou uma quadrilha envolvida em explosões de caixas eletrônicos na região. A ação foi desencadeada nesse sábado (7), sob o comando da 7ª Região da PM, após bandidos explodirem caixas eletrônicos em duas agências bancárias de Piumhi.

Durante rastreameto pelas estradas da região quatro suspeitos foram presos na MG-050, próximo à praça de pedágio de São Sebastião do Oeste. No veículo em que estavam, os militares localizaram uma grande quantidade de dinheiro escondida dentro do painel do carro, além de um colete balístico.

Os suspeitos informaram aos policias o local onde estavam escondidos, um sítio em São Sebastião do Oeste. No local a PM localizou uma grande quantidade de armamentos de uso restrito sendo: dois fuzis M4 , dois fuzis Imbel calibre 762 , um fuzil AK 47, duas espingardas calibre 12 , sete pistolas de diversos calibres como .40, 9 mm e .45, 322 munições de variados calibres , 15 rádios transceptores (HTs), 12 celulares, cinco máscaras com filtro de gás, 10 pares de placa com capa de coletes balísticos, 14 bananas de dinamite , dois artefatos explosivos com detonador , nove encartuchado de emulsão (explosivos),  450 gramas de cocaína, uma prensa hidráulica para prensar drogas, três veículos (Hilux, Punto e Saveiro) aproximadamente R$76 mil em dinheiro, miguelitos, dentre diversos outros objetos.

Ainda segundo a PM, dentre os quatro integrantes da quadrilhas apenas G.H.P. de 31 anos não tinha passagem pela Polícia. Já K.T.F. de 20 anos tem passagens por furto, receptação e consumo de drogas, E.A.L. de 36 anos tem passagens por furto e porte ilegal de arma de fogo e C.S.B. de 23 anos tem passagens por homicídio, roubo a mão armada e porte ilegal de arma de fogo.
Os proprietários do sítio também foram presos. Segundo a PM, M.F.C. de 51 anos, proprietário do sítio, A.L.C de 31 anos, locatária do sítio e C.V.C. de 32 anos, sublocatário do sítio, tinham conhecimento das atividades ilícitas desenvolvidas pela quadrilha no local e foram presos por coautoria. O sítio estava alugado para a quadrilha há cerca de dois anos.

Na residência de A.L.C, no bairro Jardinópolis em Divinópolis foram apreendidos também aproximadamente 400 gramas de cocaína, dois tabletes de maconha, uma balança de precisão e um veículo VW/Saveiro.

De acordo com o comandante da 7ª Região da Polícia Militar (7ª RPM), coronel Marcelo Augusto Santos, o resultado da ação é fruto de um trabalho integrado e bem articulado entre as unidades da região. Ainda segundo o coronel, nesta semana cerca de 50 policias das unidades que integram a 7ª RPM passarão por um treinamento. Ministrado pelo por uma equipe especializada do Batalhão de Operações Especiais da PMMG (Bope), o treinamento terá como foco a prevenção e repressão à explosão de caixas eletrônicos. “Com este treinamento a Polícia Militar em nossa região terá ainda melhores condições de dar uma resposta à altura em ocorrências dessa natureza”, finaliza o coronel Marcelo Augusto.

Fotos: PM/Divulgação)

Comentários