A Santa Casa de Caridade de Formiga divulgou nessa terça-feira (2), informações sobre  partos realizados na cidade em 2015. No total,  944 partos foram realizados, sendo 543 cesáreas (233 delas pelo Sistema Único de Saúde – SUS), a média é de 41 cesarianas por mês. Os partos normais foram contabilizados em 401, dos quais 361 foram pelo SUS, com a média de 30 mensais. O número de nascidos vivos no ano passado foi de 946 (considerando-se os casos de gêmeos) e o total de natimortos foi 11.  Mulheres que tiveram seu primeiro (primíparas), 228 foram cesáreas e 145 normais. Do total de partos feitos pelo SUS, 473 foram de mulheres que moram em Formiga e 64 de outros municípios, sendo das cidades de Arcos, Bambuí, Córrego Fundo, Córrego Danta, Divinópolis, Iguatama, Itapecerica, Medeiros, Pedra do Indaiá, Pains, Pimenta e Santo Antônio do Monte. Isso reforça a importância da Maternidade da Santa Casa de Formiga para a população de Formiga e região. Para atender as gestantes com mais comodidade e oferecer melhores instalações, está em andamento uma campanha de arrecadação da Central de Teledoações para a conclusão do Centro de Partos. Atualmente, a Maternidade da Santa Casa conta com apenas uma sala de parto normal e as cesáreas são realizadas no Centro Cirúrgico. Com o Centro de Partos, o hospital passará a ter três salas totalmente equipadas para partos normais, além de uma sala para cesariana, em um mesmo espaço. A obra está orçada em R$320 mil. Deste valor, a Santa Casa de Formiga tem disponível uma verba do governo federal, por meio de uma emenda parlamentar, no valor de R$250 mil. A Central de Teledoações precisa arrecadar R$70 mil para a finalização dos serviços. Para isso, a Santa Casa precisa da colaboração de toda a comunidade de Formiga e região.

 

Fonte: Santa Casa de Caridade de Formiga||

Comentários