Se seu filho ou sobrinho fica muito incomodado quando é impedido de usar a internet, saiba que ele não está sozinho. Um estudo britânico divulgado nesta semana aponta que 49% das crianças de até 12 anos ficariam tristes sem poder acessar a rede, enquanto 20% afirmam que se sentiriam sozinhas. No caso dos adolescentes, 60% teriam o sentimento de tristeza e 48% sentiriam solidão.
A pesquisa foi feita pelo grupo de análise de consumidores Intersperience e acompanhou mil jovens de até 18 anos.
Segundo os resultados apontados, a maioria das crianças de até 12 anos usa a internet para o entretenimento: 74% acessam jogos online, 65% navegam para fazer deveres escolares e mais de um terço faz pesquisas de itens para comprar e vender na web, como roupas.
Os adolescentes preferem interagir e socializar: 70% usam o chat do Facebook. A faixa etária também faz parte do grupo de pessoas que mais acessam a rede por dispositivos móveis, como smartphones e tablets.
O estudo revela que, mesmo jovens, crianças e adolescentes se preocupam com a segurança digital. A partir dos 8 anos, as crianças fazem backups em discos rígidos e os adolescentes também procuram fazer cópias de seus arquivos.

Comentários
COMPATILHAR: