Médicos e cientistas de todo o mundo estão alarmados com o surgimento de mais um transtorno dismórfico muscular. Além da anorexia, comum em mulheres que são magras, mas se enxergam gordas no espelho, e com isso param de comer, está em estudo a vigorexia. Esta doença, ligada ao uso de anabolizantes, faz com que a pessoa seja forte e musculosa, mas se enxergue magra e fraca.
Quem sofre do distúrbio malha exageradamente e faz uso indiscriminado de anabolizantes e substâncias que prometam aumentar a massa corporal. A doença atinge homens e mulheres, e pode ser curada com terapia, assim como a anorexia.
No Brasil, dois tipos de anabolizantes têm venda permitida pela Anvisa, em farmácias, mediante apresentação de receita médica. Entretanto, o remédio é vendido no mercado negro. Os riscos para a saúde são muitos e vão desde o surgimento de acne até a morte, passando por impotência sexual, deformação do corpo e surgimento de tumores.

Comentários
COMPATILHAR: