Há tantos anos que está aí, que até já dava para digerir melhor certas coisas. Entender que é assim e não tem jeito, mas a dureza e a perversidade com que certos assuntos são tratados nas redes sociais ainda causam surpresas das mais desagradáveis.

É meio que um tribunal a céu aberto, onde todos se acham no direito de julgar quem quer que seja e estabelecer sentenças, muitas vezes as mais cruéis.

Exemplo da vez: Pelé.

E não por ser quem é, mas ninguém faz por merecer muitas das coisas que são escritas contra ele, no estado que está, numa cama de hospital e impedido de se defender do que é acusado, especialmente o caso da filha que não reconheceu e veio a falecer.

Isso é problema dele e da consciência dele. Mesmo sendo uma figura pública, conhecido e reconhecido no mundo inteiro, ninguém aqui pode julgá-lo.

E muito menos atacá-lo da forma que vem sendo, tão hedionda e covardemente.

É mais um desabafo. Sei que não vai adiantar nada. Mas é bem o caso de lembrar: quem não, atire a primeira pedra.

 

TV Tudo

Mesma coisa

Neymar, por acaso também ligado ao futebol, foi outro, vítima de um festival de “bem feito!”, quando se contundiu contra a Sérvia.

Tudo por causa da posição política que assumiu. Um pouco demais, não acha?

 

Pode ver

A novela, qualquer uma, se permite passar por cima de certas normas básicas da boa educação.

Bom dia, boa tarde ou boa noite, repare, são saudações que simplesmente não existem. E nem qualquer despedida. O comum é alguém chegar, chegando, sair de cena e bye, bye. A todos devia ser passado o aviso: não faça o que eu faço.

 

Tem que melhorar

“Travessia”, da Glória Perez, tem lá os problemas dela para resolver. Um bocado deles.

Só que alguns, a direção do Mauro Mendonça Filho pode resolver desde já, como essa luz pra baixo em muitas das suas cenas. Joga lá em cima. Busca o colorido.

 

E outra

Mesma novela: o personagem sai de um lugar qualquer, fecha a porta, anda um corredor, desce a escada e entra num carro. E vai embora.

Sem dizer uma palavra. Nem música de fundo. Sem ser uma cozinha ou tentativa de barriga, tem outra explicação?

 

É ele

Márcio Canuto, de tantas glórias e tradição, é o convidado desta terça-feira no “Programa de Todos os Programas” nas redes sociais do R7. Facebook e YouTube.

Vizinhança se cuide. Ao vivo, 18h. Vai lá.

 

Não deixa barato

Em “Os Donos da Bola”, Neto fez questão de elogiar o comportamento do Elia Junior, que faça chuva ou sol, desde o início da Copa do Mundo tem entrado regularmente no programa.

Mas no mesmo embalo, pegou bem pesado com o restante do pessoal da Band, também no Catar, que nunca quer participar.

 

Matando a pau

Se alguma coisa, meio que severamente, pode ser criticada a respeito da transmissão da Copa do Mundo, é o seu grafismo. Dava para ser melhor.

No mais, a geração da FIFA é uma lição pro mundo. Perfeita em todos os sentidos, inclusive com uma captação por drones que é um show.

 

Agenda cheia

Andreia Horta continua se dividindo bem entre as carreiras de apresentadora e atriz.

Além do programa “O País do Cinema” no Canal Brasil, ela vem aí com quatro séries na Globoplay: ”As Aventuras de José e Durval”, “Betinho”, “Jessie e Colombo” e “A Divisão”.

 

Observação

Aliás, falando em séries, dia desses, no particular, um ator fez a seguinte observação: por que algumas produtoras de conteúdo escalam sempre as mesmas pessoas?

E citou, principalmente, nomes de empresas, que fazem programas para o Globoplay, entre outras plataformas.

 

Drama antigo

Desde que a telenovela existe aqui no Brasil, a mesmice sempre tomou conta. Teve a dominação. Aos amigos, sempre e tudo, aos outros, justiça.

E o que se vê, mesmo com os anos passando, é que nada muda. A ação entre amigos continua instalada Quem tá dentro não sai, quem tá fora não entra.

 

História delas

Lorena Queiroz, conhecida pelo trabalho em “Carinha de Anjo”, entrou para o elenco de “A História Delas”, série do Star+ que tem estreia marcada para 2023.

Ela fará a fase jovem da personagem de Bia Arantes – que também trabalhou em “Carinha de Anjo”.

 

Bate – Rebate

· Sobre a série “Betinho”, produzida pela Formata, que vai contar a trajetória do sociólogo, André Felipe Binder vai fazer a direção geral…

· … Julio Andrade, protagonista, irá apenas colaborar como diretor em alguns episódios.

· Problemas com a continuidade saltam aos olhos de quem assiste “Todas as Flores”…

· … Aqui já foi falado sobre isso. Mas parece que não está adiantando muita coisa…

· … Em capítulo recente, durante uma conversa, Regina Casé chamou Mariana Nunes de…Zoé!…

· … E assim foi… Acontece que é Judite Xavier o nome da personagem da Mariana…

· … Zoé é a própria Regina. Olha que confusão.

· Na coluna em que foram destacados os nomes daquelas que têm se destacado no jornalismo esportivo, evidente que faltaram algumas…

· … Luciana Mariano, claro, mais Natalie Gedra e Michelle Gianella, entre outras.

 

C´est fini

Jakelyne Oliveira, recém-chegada ao elenco de “Reis”, será uma das atrações do especial “Família Record”, dias 20 e 21 de dezembro.

Também estarão no programa Ana Hickmann, Cesar Filho, Renata Alves, Ticiane Pinheiro, Adriane Galisteu, Rodrigo Faro, Sérgio Aguiar, Paloma Bernardi, Cirillo Luna, Celso Zucatelli, Mariana Godoy, Eduardo Ribeiro e Luiz Bacci. Apresentação de Miguel Coelho e Mariana Rios.

 

Comentários
COMPATILHAR: