Não por acaso, neste espaço, a figura do diretor de programação sempre é destacada e reconhecida, e não por qualquer casualidade também, Globo, Record, SBT e Band, ao longo dos tempos, sempre tomaram muito cuidado com a escolha de profissionais especializados para a função.

Há uma infinidade de valores a serem levados em conta, antes de qualquer lançamento ou estabelecimento de um produto, porque são muitos os fatores que devem ser considerados. Entre os tantos, a definição correta da data de estreia, horário, o antes e o depois, possibilidades de audiência, o risco de uma mudança de público, a concorrência e outros tantos do gênero.

Quase um quebra-cabeça. Uma engenhoca daquelas.

Mas mesmo assim, observando tudo isso, os acidentes de percurso são sempre inevitáveis e um exemplo é o “1001 Perguntas”, na Band. O programa tem uma pegada legal, é interessante, possui uma fórmula que agrada e tem correta apresentação do Zeca Camargo; no entanto, os seus números são muito baixos. Uma pena. Assim como ele, existem outros tantos.

Como se vê, isso está bem longe de ser uma ciência exata, porque o imponderável nunca entra na conta. Apesar de todos os cuidados e se tentar reduzir ao mínimo a margem de erro, ninguém se livra de surpresas, que muitas vezes não são agradáveis. Caso do “1001”.

Protocolo

Dentro dos seus estúdios, no Rio de Janeiro, a Globo ainda torna obrigatório o uso de máscaras pelo protocolo de segurança. Quanto aos outros ambientes, não é mais necessário.

Intervalo

A Band está procurando reforçar o seu departamento comercial, com a chegada de novos executivos.

Por exemplo: João Binda, que deixou o Yahoo, é um deles.

Rescaldo

Na reunião de autores titulares e diretores artísticos com executivos da Globo, na quarta-feira, o número de demissões e a queda de audiência foram algumas das questões discutidas.

Mas, por outro lado, todos se mostraram bem otimistas quanto às próximas estreias. “Pantanal”, principalmente.

Por outra

Ainda da dramaturgia da Globo, não existem filas totalmente estabelecidas para as suas próximas novelas.

Vai daí que pode haver surpresas. Entre elas, e porque ele sempre se deu bem no horário, a exibição de um próximo trabalho do Walcyr Carrasco na faixa das seis da tarde.

Vai não vai

José Luiz Datena pede a palavra e informa: mais tardar até o final da semana que vem, tomará uma decisão se irá ou não disputar as próximas eleições.

Ou ao que poderá concorrer.

Trocando em miúdos

Diante das mudanças que a Band vai realizar na sua faixa vespertina, o “Melhor da Tarde”, da Cátia Fonseca, em vez de 2h, terá 1h30 de duração.

Mas, ao contrário do que acontece agora, não terá mais parte local. Será todo nacional.

Futebol – 1

As finais dos campeonatos de São Paulo e do Rio, exclusivos da Record, serão exibidos, em rede, para todo o Brasil. O primeiro do Paulistão, na quarta-feira que vem, 21h30, e na quinta, mesmo horário, do Carioca. Nesses dias, “Jesus” não será exibida.

Futebol – 2

O segundo jogo das finais, das duas praças, será no domingo, 3 de abril.

A partir das 15h45, o do Rio, e o de São Paulo, às 18h30. Neste dia não haverá o “Hora do Faro”.

Não sei

 Pode até ter acontecido alguma vez, porém, em tempos recentes, uma rodada dupla de finais, numa mesma TV, acho que é inédito ou, no mínimo pouco comum.

Ao vivo, um na sequência do outro.

Vida normal

Zezé Di Camargo e Luciano estão tocando seus trabalhos solos, mas sem descuidar dos compromissos da dupla.

A nova turnê do “Amigos”, também com Chitãozinho e Xororó, e Leonardo, começa nos dias 8, 23 e 24 de abril, em Valinhos e São Paulo, no Allianz.

Está estranho

Nas chamadas do “Hoje”, os repórteres estão aparecendo quase todos dos celulares.

Depois, ou logo na sequência, no jornal, como deve ser, com imagens dos seus cinegrafistas. Complicado entender essa química,

Novos tempos

Durante dois anos, pandemia forte, o uso dos celulares foi perfeitamente aceitável. Uma solução até. E que sempre poderá valer em circunstâncias especiais.

Mas vai por mim: nada substitui a boa captação, luz e vídeo, luz correta etc. Ainda mais agora, com todo mundo sem máscara de novo.

Nova temporada

No sábado, dia 2 de abril, a partir das 20h, Rafael Cortez estreia a segunda temporada do “Matéria Prima” na TV Cultura. Nesta primeira edição, o apresentador recebe o cantor Falcão para um bate-papo sobre atuação no cinema, figurino, entre outros temas.

Jumas

 O encontro das Jumas, Cristiana Oliveira e Alanis Guillen, é uma das atrações do “Globo Repórter” nesta sexta-feira (25).

Um programa inteiramente dedicado ao remake de “Pantanal”, que estreia segunda-feira.

Bate – Rebate

  • Globo deu o start nas gravações em estúdio de “Cara e Coragem”. Novela das 7h.
  • Dony De Nuccio, nos Estados Unidos, submeteu-se a uma cirurgia de urgência na coluna.
  • A guerra na Ucrânia continua, passou dos 30 dias, mas as TVs de jornalismo já não dão mais tanto espaço a ela…
  • … A Jovem Pan, por exemplo, que estava com tempo integral na sua cobertura, voltou com a programação normal.
  • Roberto Birindelli já iniciou seus trabalhos nas gravações de “Reis”, segunda temporada, como o profeta Samuel.
  • Boa notícia: se nada atrapalhar, nesses próximos dois meses, o SBT irá anunciar novidades na sua programação…
  • … Por não atrapalhar, entenda-se, palpites ou ordens em contrário…
  • … De qualquer forma, a sua direção trabalha com enorme otimismo.
  • O Canal Like exibe nesta sexta às 22h, uma entrevista com Murilo Rosa….
  • … Murilo que será um dos apresentadores do Oscar na TNT.
  • Em estudos, na Globo, um novo projeto de humor da Renata Gaspar.

C´est fini

A Record ainda não tem uma data definida para a exibição da série “Ameaça Invisível”.

Mas falta muito pouca coisa para ser gravada. Deve ficar para o início do segundo semestre.

Comentários
COMPATILHAR: