Sem dúvida um dos grandes jogos da quinta rodada do Campeonato Brasileiro acontecerá nesta quarta-feira (10), 21h30, quando Cruzeiro e Fluminense se enfrentam diante de mais de 50 mil cruzeirenses. A partida marca a volta da Raposa ao Gigante da Pampulha 185 dias depois do último encontro celeste com a China Azul.

No dia 6 de novembro, a Raposa bateu o CSA por 3 a 2 e se despediu da Série B, diante de mais de 61 mil torcedores. De lá para cá, o clube rodou por várias cidades e estádios, mas nunca pelo Mineirão. O que torna a partida ainda mais atrativa.

Como se não bastasse o bom momento vivido pelas equipes até aqui, com o Cruzeiro terceiro colocado do Brasileirão, 9 pontos conquistados em 12 possíveis, e o Fluminense com um futebol de destaque no país e ocupando a sexta colocação, outro atrativo chama a atenção. E ele não entra em campo.

O duelo entre dois técnicos da nova geração, Pepa, pelo lado azul e Fernando Diniz, pelo lado tricolor, dão um tom ainda mais sublime a disputa.

“Eu já estou arrepiado. Se com 20 mil é uma sensação impressionante ter a torcida a empurrar a equipe e ajudar, pressionando da maneira que podem dentro de campo, imagina no Mineirão. Eu nunca joguei com 40, 50 mil a favor, já joguei, em Portugal, contra Benfica, Porto, Sporting e sei o que é isso, mas com apoio de 50, 60 mil, vai ser algo marcante, mas mais uma vez nós, dentro de campo, temos que tornar essa força ainda maior”, avaliou o treinador cruzeirense.

Outro ingrediente é o reencontro do goleiro Fábio com o Cruzeiro. No ano passado, o ídolo celeste enfrentou seu ex-clube em duas oportunidades pela Copa do Brasil e venceu duas vezes. Vitória no Rio por 2 a 1 e por 3 a 0, no Mineirão.

O Cruzeiro vem de uma sequência de quatro vitórias consecutivas, são três pelo Brasileiro (Grêmio, Bragantino e Santos) e uma pela Copa do Brasil (Náutico). Mas nem tudo é festa para o técnico português Pepa. O volante Ramiro recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Santos e desfalca a equipe. O volante Filipe Machado deve ser o escolhido para a vaga do camisa 17 celeste.

Outra baixa está no ataque. Rafael Bilu, que havia iniciado pela primeira vez neste Brasileirão uma partida como titular, rompeu o tendão de Aquiles do pé esquerdo com cinco minutos de partida e desfalca a Raposa. Wesley, que entrou na vaga de Bilu e anotou os dois gols da vitória sobre o Peixe assume a vaga.

O provável Cruzeiro deverá contar com Rafael Cabral, William, Lucas Oliveira, Luciano Castan e Marlon; Richard, Filipe Machado e Mateus Vital; Wesley, Bruno Rodrigues e Gilberto.

Já o Flu também terá problemas para tentar superar a boa fase celeste. Com problema na coxa esquerda, o lateral Samuel Xavier não viajou com o grupo carioca. No clássico contra o Vasco, empate por 1 a 1, o jogador sentiu a lesão e vai ficar no Rio de Janeiro. O substituto de Xavier será um conhecido do torcedor cruzeirense, o ex-jogador do Atlético, Guga.

Outro desfalque de Diniz é o atacante John Kennedy, que recebeu o terceiro amarelo no clássico do último sábado (6), no Maracanã. O provável Fluminense que encara o Cruzeiro deverá contar com Fábio, Guga, Nino, Felipe Melo e Marcelo; Alexsander, André, Arias, Ganso e Lima; Cano.

Ficha técnica 

O quê: Cruzeiro x Fluminense
Motivo: 5ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A
Quando: quarta-feira, 10 de maio de 2023, às 21h30 (de Brasília)
Onde: Mineirão, em Belo Horizonte
Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Auxiliares: Danilo Simon Manis (SP) e Evandro de Melo Lima (SP)
VAR: Daiane Muniz (SP)
Transmissão: Rádio O Tempo 91,7 FM, Globo e Premiere

Fonte: O Tempo Sports

COMPATILHAR: