O Atlético conquistou uma grande vitória na noite desta terça-feira, diante do Athletico-PR, no Mineirão. A partida terminou 2 a 1 para o Galo, de virada. Os gols da partida foram marcados por Alex Santana, no começo do segundo tempo, e Paulinho, artilheiro da noite com dois gols, o último no fim do jogo.

Com o resultado, o Galo assumiu a segunda posição do Grupo G, com seis pontos, atrás apenas do Furacão, que tem sete. O Atlético agora sai para enfrentar Alianza Lima, do Peru, e Libertad, do Paraguai, fora de casa.

O jogo

Antes dos 20 minutos, o jogo se mostrou bastante truncado, com apenas o Galo levando perigo em duas ocasiões. Uma com Paulinho, aos 14 minutos, que chutou para a defesa do Bento, bom goleiro do Furacão, e depois com Pavon, aos 16, que fez ótima jogada pela direita e cruzou para Zaracho finalizar e a zaga aliviar o perigo.

Com 35 minutos, o Galo era dono de maioria esmagadora da posse de bola, porém sem oportunidades reais de gol. Já o rival paranaense apostava nos contra-ataques, a maioria deles evitados com faltas ou por mérito da defesa do Galo.

No último lance do primeiro tempo, aos 45 minutos, Hulk fez boa jogada pela direita, cruzou para área e o lateral Rubens apareceu para tocar a bola para trás e ninguém do Atlético para definir.

No contra-ataque, o Furacão chegou com grande perigo, depois de boa jogada Pablo, a bola sobrou para Cannobio, mas a zaga afastou o perigo antes da conclusão do atacante.

Segundo Tempo

Logo aos 4 minutos, Hulk fez um lançamento de gênio, do meio-campo, uma bola rasteira, enviesada, que caiu no pé de Hyoran, o atacante chutou na trave esquerda de Bento.

No contra-ataque, aos 5 minutos, o Furacão abriu o placar. Pablo lançou Cristian na área, o volante chutou, Éverson deu rebote, e Alex Santana, que tinha entrado no intervalo, só empurrou para o gol. 0 a 1.

Aos 23 minutos, Igor Gomes, que tinha entrado na partida, lançou na área, Hulk dividiu com o defensor paranaense e a bola sobrou para Paulinho chutar firme e empatar a partida. 1 a 1.

Depois do gol, o Galo foi só pressão em busca da virada. Hulk começou a buscar mais a bola no meio e municiar os atacantes do Galo. O Athletico-PR abusava do jogo defensivo e pouco saía para o contra-ataque.

Com 42 minutos o Galo chegou a virada. Falta na beirada da área, Igor Gomes bateu com perfeição e Paulinho cabeceou, antecipando ao goleiro Bento, desempatando o placar e botando o Atlético vivo na competição. 2 a 1.

FICHA TÉCNICA

Data: 23 de maio de 2023, terça-feira

Local: Mineirão, em Belo Horizonte-MG

Competição: Copa Libertadores – quarta rodada da fase de grupos

Árbitro: Wilmar Roldán (COL)

Assistentes: Dionísio Ruiz (COL) e Sebastian Vela (COL)

VAR: Angelo Hermosilla (CHI)

Gols: Alex Santana, aos 5′ do 2°T; Paulinho, aos 23′ do 2°T e aos 42′ do 2°T

Cartões amarelos: Rodrigo Battaglia, Mariano, Pavón, Paulinho; Thiago Heleno, Pablo, David Terans, Madson, Canobbio

Atlético-MG: Everson; Mariano (Saravia), Nathan Silva, Jemerson e Rubens (Patrick); Rodrigo Battaglia, Pavón (Vargas), Zaracho e Hyoran (Igor Gomes); Paulinho (Edenilson) e Hulk.

Técnico: Eduardo Coudet

Athletico-PR: Bento; Madson, Pedro Henrique (Matheus Felipe), Thiago Heleno e Fernando; Hugo Moura, Erick (Alex Santana) e Christian (Vitor Bueno); Canobbio, Pablo (Willian) e Vitor Roque (Cuello).

Técnico: Paulo Turra

Fonte: Hoje em Dia

COMPATILHAR: