Idosos acima de 60 anos  terão direito a quarta dose contra COVID-19  em Minas Gerais.  A informação foi divulgada em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (29) pelo secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

Segundo a pasta, cerca de  um milhão de pessoas vão se beneficiar da nova medida. Até o momento, as remessas eram destinadas à aplicação da quarta dose em pessoas com 70 ou mais anos de idade.

A pasta informou que a medida será publicada no Diário Oficial do estado neste sábado. A partir dessa data,  municípios que já tenham doses disponíveis poderão aplicar nesse público-alvo.

De acordo com o secretário, idosos de 60 anos podem tomar a quarta dose após três meses da aplicação  terceira dose.

A Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), por meio da Secretaria Municipal de Saúde, informou, por meio de nota, que segue as orientações do Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação.

“A SMSA aguarda orientação do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado de Saúde, e o envio de doses da vacina para iniciar a aplicação da quarta dose em pessoas com mais de 60 anos”, disse.

O município reafirmou  a disponibilidade de pessoal e de todos os insumos necessários para a continuidade do processo.

Taxa de incidência 

A taxa de incidência da COVID-19 está em 15 casos  para cada 100 mil habitantes. “Podemos afirmar que estamos com a doença controlada em Minas Gerais”, disse.

Nas últimas 24 horas, o estado registrou 16 mortes e 776 casos. O secretário ainda informou que Minas Gerais não tem paciente COVID-19 esperando leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Desde o início da pandemia, foram 3.356.443 casos confirmados e 61.285 óbitos. 3.225.685 pessoas se recuperaram.

 

 

Fonte: Itatiaia

Comentários
COMPATILHAR: