O Ministério Público de São Paulo disse que vai recorrer da decisão que permitiu que Suzane Von Richthofen, condenada por matar os pais em 2002, passe a cumprir a pena em regime aberto. Ela deixou a penitenciária de Tremembé na quarta-feira (11).

A defesa de Richtofen disse que “do início ao fim, trata-se de um processo que corre em segredo de justiça, e, por assim ser, é sigiloso em toda sua tramitação e desdobramentos”.

Em nota, o poder judiciário informou que a 2ª Vara de Execuções Criminais de Taubaté proferiu a progressão do regime de Richthofen para aberto, após ter “verificado o cumprimento dos requisitos estabelecidos pela Lei de Execução Penal”.

Ela foi condenada por matar os pais Manfred e Marísia Von Richthofen em 31 de outubro de 2002.

Fonte: CNN Brasil

Comentários
COMPATILHAR: