Ovos de chocolate encalham e preço cai

Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado

COMPATILHAR:

Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado

A expectativa de queda na venda de ovos de Páscoa neste feriado deve se confirmar. A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) já apontava em março um recuo de 0,5% na venda do produto em relação ao ano passado. Primeira retração em 11 anos, segundo a CNC. Mas lojistas apontam uma realidade bem pior do que as projeções. Em lojas que vendem apenas chocolate, a queda foi de 20% em relação ao ano passado, segundo informações do jornal O Tempo.
Apesar disso, em Formiga, na manhã deste sábado, era extensa a fila na porta da única loja especializada no ramo em Formiga. Alguns clientes chegaram a esperar 30 minutos do lado de fora para fazer a compra. Na fila muitos pais, tios (as) e namorados (as).
Para lidar com a diminuição de vendas, o comércio está apostando nas promoções.
Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado, quando muitas promoções são feitas para evitar que a mercadoria fique encalhada. Outra alternativa é deixar de lado os ovos de marcas mais caras e optar pelos caseiros. A onda agora são os ovos abertos recheados com trufas e mousses que podem ter um valor menor para uma quantidade superior de chocolate.
Há, ainda, que opte por comprar os ovos na semana seguinte ao feriado, quando os preços despencam.

Comentários
COMPATILHAR:

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Ovos de chocolate encalham e preço cai

Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado.

COMPATILHAR:

Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado.

 

A expectativa de queda na venda de ovos de Páscoa neste feriado deve se confirmar. A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) já apontava em março um recuo de 0,5% na venda do produto em relação ao ano passado. Primeira retração em 11 anos, segundo a CNC. Mas lojistas apontam uma realidade bem pior do que as projeções. Em lojas que vendem apenas chocolate, a queda foi de 20% em relação ao ano passado, segundo informações do jornal O Tempo.

Apesar disso, em Formiga, na manhã deste sábado, era extensa a fila na porta da única loja especializada no ramo em Formiga. Alguns clientes chegaram a esperar 30 minutos do lado de fora para fazer a compra. Na fila muitos pais, tios (as) e namorados (as).

Para lidar com a diminuição de vendas, o comércio está apostando nas promoções.

Uma das alternativas adotadas por clientes diante dos altos preços é deixar a compra para as últimas horas deste sábado, quando muitas promoções são feitas para evitar que a mercadoria fique encalhada. Outra alternativa é deixar de lado os ovos de marcas mais caras e optar pelos caseiros. A onda agora são os ovos abertos recheados com trufas e mousses que podem ter um valor menor para uma quantidade superior de chocolate.

Há, ainda, que opte por comprar os ovos na semana seguinte ao feriado, quando os preços despencam.

Redação do Jornal Nova Imprensa O Tempo

Comentários
COMPATILHAR:

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.