O abono salarial PIS-Pasep 2017/2018 começa a ser pago na quinta-feira (27). De acordo com o calendário, quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o benefício ainda neste ano. Já os nascidos entre janeiro e junho receberão no primeiro trimestre de 2018.

Em qualquer situação, o recurso ficará à disposição do trabalhador até 29 de junho de 2018, prazo final para o recebimento.

Trabalhadores da iniciativa privada podem retirar o dinheiro na Caixa Econômica Federal, e os servidores públicos, no Banco do Brasil. É preciso apresentar um documento de identificação e o número do PIS/Pasep.

 Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2016. É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais.

No caso do PIS, para quem é correntista da Caixa, o pagamento geralmente é feito 2 dias antes do restante dos outros trabalhadores. Já no caso do Pasep, o crédito em conta para correntistas do Banco do Brasil será efetuado a partir do 3º dia útil anterior ao início de cada período de pagamento, conforme cronograma abaixo.

Pagamento do abono salarial

O pagamento pode ser realizado:

  • por crédito em conta, quando o trabalhador possui conta corrente ou poupança na Caixa;
  • nos caixa eletrônicos, nas Casas Lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui utilizando o Cartão do Cidadão;
  • em agência da Caixa, apresentando o número do PIS e um documento de identificação.

 

 Valor proporcional

O valor do abono varia de R$78 a R$937, dependendo do tempo em que a pessoa trabalhou formalmente em 2016.

O trabalhador deverá ter trabalhado no mínimo 30 dias com carteira assinada, e cada mês trabalhado equivale a 1/12 de salário mínimo no valor do benefício, sendo que o período igual ou superior a 15 dias contará como mês integral.

[table id=34 /]

 

Fonte: Caixa Ecônomica e G1 ||

Comentários
COMPATILHAR: