Todos os anos são registrados, no Brasil, mais de 350 mil acidentes de trabalho. Os dados são de um levantamento do governo federal. E para tentar mudar esta realidade, entra em cena um profissional cada vez mais requisitado: o técnico em segurança no trabalho.
A cada dois minutos uma pessoa se envolve em algum tipo de acidente de trabalho no Brasil. Os dados no Ministério do Trabalho são mesmo assustadores. Para diminuir essa violência, as empresas com mais de 50 funcionários e dependendo do grau de risco da atividade, são obrigadas a terem um técnico em segurança no trabalho. É ele que toma todos os cuidados para evitar acidentes.
E a construção civil é o setor que mais registra casos, segundo o Ministério do Trabalho.
Por causa da exigência, o mercado para essa profissão se tornou promissor. E tem muita gente de olho na oportunidade. As salas de aula estão cada vez mais cheias. Além dos conhecimentos teóricos, o profissional recebe, na prática, muita orientação.
A necessidade do funcionário desse setor é tão grande que até quem ainda está estudando, já tem emprego garantido. E nesta sexta-feira (27), é comemorado o dia do técnico em segurança no trabalho.

Comentários
COMPATILHAR: