Um homem de 45 anos foi preso suspeito de estuprar a sobrinha, de 6, em Santana do Paraíso, na região do Rio Doce, em Minas Gerais, na última quarta-feira (28). A irmã da vítima, que é adolescente, encontrou uma gravação no celular do tio com as cenas do abuso e contou para a mãe. A garotinha contou que o familiar dava presentes para ela ficar em silêncio.

De acordo com a Polícia Militar (PM), a vítima, o suspeito e a irmã dela estavam em casa quando o homem chamou a menina para ir até o quarto dele assistir desenho. A irmã da criança interveio falando para ela permanecer no lugar em que estava, pois vinha desconfiando das atitudes do tio.

O homem não insistiu, saiu de casa e deixou o aparelho com a garotinha. A irmã da menina pegou o celular e foi até a galeria e acabou encontrando um vídeo no qual a familiar era violentada sexualmente pelo tio. O conteúdo da gravação não foi descrito no boletim de ocorrência.

A irmã da vítima fez um vídeo utilizando outro celular e mostrou para a mãe que acionou os militares até o bairro Cidade Nova. A mãe da garotinha contou que o homem é irmão de criação e estava morando com a família dela há dois meses, já que procura por emprego.

Criança revela estupros

Em conversa com uma policial, a menina revelou ter sido estuprada três vezes pelo tio. Segundo ela, o homem a mandava ficar em silêncio e, para isso, a presenteava com roupas e doces. Ela revelou que, por duas vezes, o tio tentou consumar o ato, mas ela relatou muitas dores.

 

Fonte: O Tempo

Comentários
COMPATILHAR: