O Corpo de Bombeiros iniciou, nesta segunda-feira (1º) vistorias em lotes vagos de Formiga, conforme prevê a Operação Alerta Verde.

O objetivo é prevenir incêndios em lotes, reduzir o pico de ocorrências de incêndio em terrenos nos períodos críticos e demonstrar a importância da fiscalização na prevenção aos incêndios em vegetação.

Inicialmente, os militares visitam os terrenos baldios, com vegetação alta e com histórico recorrente de incêndio. Itens como ausência de cercamento, que facilita o acesso e a ação de vândalos, e a presença de lixo/ entulho também são considerados, já que dependendo do material descartado incorretamente, um incêndio pode ter início ou sua propagação pode ser acelerada.

Os dados são condensados e podem ser acessados pela Prefeitura Municipal, que tem o poder e o dever legal para fiscalizar e multar proprietários que com sua omissão ou negligência, contribuam para ocorrências de incêndio em vegetação.

Estudos apontam que medidas de prevenção tendem a custar cerca de 7 vezes menos que ações reparadoras. No caso de incêndios em lotes vagos, facilmente evitáveis, o acionamento de uma equipe do Corpo de Bombeiros pode inviabilizar o seu emprego em ocorrências complexas e com risco à vida de cidadãos.

Além dos malefícios à fauna e flora, e causador de surgimento e agravamento de doenças em pessoas, provocar incêndio consiste em crime, que pode ocasionar ao autor, penas de multa e até prisão.

Fonte: Corpo de Bombeiros

COMPATILHAR: