A Polícia Civil de Minas divulgou, nesta quinta-feira (22), que resgatou um macaco-prego em situação de maus-tratos em São Sebastião do Paraíso, no Sul do estado.

O responsável pelo animal, um homem de 47 anos, foi conduzido à delegacia e assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Ele deverá responder por crime de maus-tratos.

O animal estava trancado em uma gaiola, exposto ao clima e em condições inadequadas a sua saúde. A perícia criminal e o médico veterinário constataram que o macaco apresentava quadro de elevado estresse.

A ação teve apoio do Corpo de Bombeiros e de uma clínica veterinária parceira da Polícia Civil

Segundo o delegado Rafael Gomes, o animal ficava exposto também a barulho excessivo, uma vez que eram realizados eventos festivos no estabelecimento onde era mantido.

O animal foi entregue aos cuidados de uma médica veterinária especialista em animais silvestres, que dará a destinação adequada a ele.

 

Fonte: Hoje em Dia

 

COMPATILHAR: