Douglas Gonçalves, mineiro de 36 anos, foi encontrado morto em Portugal e estava com abraçadeiras no pescoço, segundo informações da polícia portuguesa à imprensa local.

O corpo dele foi achado no dia 16 de maio, na região de Cabo da Roca, em uma mata, em estado avançado de decomposição e ao lado do carro da vítima que não tinha sinais de arrombamento. Todos os pertences estavam junto ao corpo, como bolsa, carteira e cartões.

A polícia investiga o caso e a família não acredita na possibilidade de suicídio.

Douglas é natural de Araçuaí, no Vale do Jequitinhonha, e morou em Belo Horizonte antes de ir para Portugal, país onde morava há 3 anos. Ele foi visto pela última vez no dia 9 de maio.

A família faz uma vaquinha online com o objetivo de arrecadar 26 mil para trazer o corpo dele para o Brasil para velório e enterro. Até o momento foram conseguidos cerca de 71% do necessário.

 

Fonte: Itatiaia

Comentários