O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), deputado Agostinho Patrus (PV), informou nesta quinta-feira (13) que a Casa devolveu ao governo do Estado R$ 106,5 milhões em recursos que foram economizados pelos 77 deputados estaduais ao longo de 2021. 

Ainda em sua postagem, Patrus exige que esse valor seja aplicado pelo Executivo para minimizar os impactos causados pelas fortes chuvas que destruíram várias cidades mineiras nos últimos dias. 

Em entrevista, o deputado afirmou que quase R$ 100 milhões já foram repassados ao Estado, e o restante será devolvido ainda essa semana. “Os deputados estaduais de Minas Gerais fizeram a sua parte: economizaram R$ 106 milhões, sendo R$ 98 milhões já repassados. O restante, R$ 8 milhões, serão repassados ainda esta semana para que o governo do Estado possa utilizar esse recurso, que é o dobro do que se anunciou até agora para minimizar a situação da mineira e do mineiro que tanto sofrem com pessoas desalojadas, desabrigadas em todo o nosso Estado”, disse o presidente da Assembleia.

Procurado, o governo de Minas ainda não respondeu se recebeu o recurso e se a aplicação será feita para atender ás vítimas das chuvas no Estado. 

Recursos 

Até agora, o governador Romeu Zema já adiantou o repasse de R$ 6,3 milhões aos municípios atingidos e gastou R$ 1,2 milhão na compra de cestas básicas e outros itens assistenciais. Ele também anunciou o repasse de outros R$ 40 milhões para as prefeituras mineiras após uma reunião com prefeitos da Grande BH na última segunda-feira (10).

Além disso, o governador pediu que o governo federal repasse R$ 935,6 milhões a Minas Gerais para que o Estado enfrente os danos causados pelas chuvas. 

No final do ano passado, a União já havia liberado um montante de recursos para o Norte de Minas, região que foi duramente atingida pelas chuvas em dezembro. E, nos últimos dias, o Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) ampliou esse valor, que já soma R$ 48,6 milhões e passou a incluir outras cidades para além da região Norte do Estado, como é caso de Betim, na Grande BH. Ao todo, 33 municípios mineiros receberão recursos do governo federal em razão das chuvas,

Economia do Legislativo

No ano passado, a ALMG devolveu R$ 80 milhões economizados pela Casa durante o ano de 2020 ao governador Romeu Zema.

O recurso foi entregue pelo presidente da ALMG, Agostinho Patrus (PV), em cerimônia simbólica realizada no Parlamento e, segundo Zema, seria investido na saúde e no combate à pandemia de Covid-19.

Fonte: O Tempo

Comentários
COMPATILHAR: