O secretário de Estado de Agricultura, Thales Fernandes, esteve em Formiga, nessa terça-feira (29), com o objetivo de conhecer o trabalho realizado pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM).

Criado em 2012, o SIM local possui, atualmente, 54 estabelecimentos agroindustriais registrados, fruto de um trabalho de valorização e conscientização dos produtores feito pela administração municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Humano, que conta com o apoio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) e do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA). O registro sanitário agrega valor e garante a segurança alimentar dos produtos.

Durante a visita, o secretário destacou a importância de contar com o apoio dos municípios para descentralizar as ações de inspeção. “A Secretaria de Agricultura tem estimulado esse tipo de iniciativa auxiliando, a partir de políticas públicas, a análise de projetos, auditoria, fiscalização e treinamento de profissionais. O trabalho realizado pelo Serviço de Inspeção de Formiga é um exemplo para outros municípios de Minas Gerais”, afirmou.

À frente do SIM, o secretário de Desenvolvimento Humano de Formiga, Anuar Teodoro Alves, ressaltou a importância da visita de Thales Fernandes ao município. “É fundamental que o Governo do Estado esteja junto com a gente, conhecendo a nossa realidade. A partir dessa parceria, é possível aprimorar ainda mais o que temos feito”, comentou.

O próximo passo agora é o cadastro no e-SISBI, sistema eletrônico disponibilizado pelo Ministério da Agricultura para gestão dos serviços oficiais de inspeção de produtos de origem animal, vegetal e insumos agropecuários. Com a conquista, produtores da cidade poderão comercializar em todo o território nacional.

Legalização de produtos 

A produção de linguiça é tradição há mais 40 anos na família de Giovanni Oliveira. Registrado no SIM, ele garante que a visita da fiscalização é importante para orientar os produtores sobre as práticas sanitárias. “Às vezes estou fazendo algo errado e não sei. Precisamos acompanhar as mudanças e aprimorar cada vez mais o nosso produto”, explica.  

O casal Edmilson e Fernanda Rolindo, proprietários do laticínio “O Melhor de Minas”, agradeceu o apoio do Estado e do município aos produtores. “Quando se falava em certificação, era um grande susto. Na verdade, com o SIM ganhamos parceiros”, contam.  Atualmente, o laticínio acumula conquistas na ExpoQueijo, no Concurso CNA Prêmio Brasil Artesanal – Queijo e, mais recentemente, no 2º Mundial do Queijo do Brasil, realizado em São Paulo.  

Também premiado na Expoqueijo 2022, em Araxá, com medalhas de ouro e prata, o produtor Daniel Rodrigues, do laticínio “Soh Minas”, lembra que a inscrição no concurso só foi possível graças ao registro no SIM. “Com apoio e incentivo da equipe do município e dos técnicos da Emater-MG, conquistamos estes prêmios”, comemora.  

Agenda 

Durante a visita, o secretário de Agricultura esteve com o prefeito de Formiga, Eugênio Vilela, e autoridades do poder Legislativo e Executivo.

Na oportunidade, ele conheceu agroindústrias legalizadas de embutidos, laticínios e a Fazenda Laboratório do Unifor-MG. Recebido por docentes dos cursos de agronomia e veterinária, e se reuniu ainda com o reitor da instituição, Marco Leão.

Foto: Danielle Moura

Foto: Danielle Moura

 

Fonte: Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais – Assessoria de Comunicação Social

Comentários
COMPATILHAR: